Jump to content
📢 Compra de Pontos e Assinatura agora são via Mercado Pago ×


Globo perde Ibope e streaming já lidera no domingo

Recommended Posts

6 horas atrás, Tiago disse:

Para se ter uma ideia, Ted Sarandos, novo CEO da Netflix, afirmou na semana passada, em entrevista a Bloomberg que a Netflix representa 7,5% da audiência total do país e quer chegar a 25%. Lá, a

 

Lá aonde? A gente é obrigado a adivinhar o país

Link to comment
Share on other sites

O streaming ta pegando um publico que ta chateado com a tv aberta. com o descaso que os diretores das emissoras estao deixando a tv aberta, simplesmente pq dao o que eles precisam, a hora que eles querem ver. 

 

Se as tvs nao acordarem para a vida, isso vai ser irreversivel em pouco tempo.. o valor do streaming vai ser incorporado ao orcamento do Brasileiro e a tv aberta nunca mais vai ver esse publico.

 

ja temos uma geracao de criancas e adolescentes que se acostumou a nao ver tv aberta diariamente.. se eles nao fizerem nada.. qdo essas criancas virarem adultos nao vao tocar no controle remoto para ver nada na tv linear. 

  • Like 8
Link to comment
Share on other sites

20 minutos atrás, Luciano Lau disse:

Acho muito superestimado esses números da Netflix. 7 pontos de 10, é muito. No meio desses 10 pontos, tem que ter o YouTube. 

Desculpa, amigo. Eu que me atrapalhei ao digitar. 
Tirando a TV Linear da contagem, realmente, a maior parcela é do Youtube, depois Netflix, Globoplay etc. 
 

Link to comment
Share on other sites

12 minutos atrás, dhoolvll disse:

O povo não é bobo... 🤣

 

Falando sério, é um caminho sem volta e o streaming, no médio prazo, vai ser comum liderar a maioria dos dias da semana. TV paga ainda com muita gente, mas acredito que vai cair um pouquinho. Assim como a Globo, principalmente.

 

E com certeza entre os streamings, Globoplay tá lá pra trás. Esses 10 pontos tá muito concentrado em Netflix, Amazon, Disney+ e HBO Max principalmente. 

Realidade: Globoplay na frente da Amazon :gret36:

 

2 horas atrás, Kax disse:

E esses 10 pontos do streaming, acho que uns 7 são da Netflix, 1 do Globoplay, quase 1 do Prime Video e o que resta vão para outros players.
Não sei se vocês viram, mas saiu mais uma análise do Kantar Ibope sobre essa fatia de audiência e, obviamente, Youtube e Netflix com as maiores porcentagens tirando a TV Linear da contagem.

spacer.png

Site https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n201358/netflix-streamings-perdem-tv-aberta-audiencia-br.html

 

Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, J__ disse:

eu aguentaria, mas o problema nem eh formato.. eh que os auditorios de hj sao ruins.. sao mal feitos. preguicosos... se colocassem o Domingo Legal reprisado da epoca do Gugu, ou o Tudo eh Possivel com a Eliana eu teria mais disposicao de ver que DL do Celso atual e a Eliana de 2023... 

 

Domingao eu nunca curti muito.. raras eram as vezes que eu sentava para ver (so na epoca da Danca do Gelo, Maratoma, olimpiadas do Faustao)... mas hj mesmo com games eu nao consigo assistir. 

O público mudou. Aquele público que via o Gugu no final da década de 90 ou o Silvio já não existe mais. As pessoas querem opção de poder assistir o que quiser a hora que quiser. Pausar uma série ou um filme a hora que bem entender. Novos tempos. 

  • Triste 1
Link to comment
Share on other sites

12 minutos atrás, J__ disse:

O streaming ta pegando um publico que ta chateado com a tv aberta. com o descaso que os diretores das emissoras estao deixando a tv aberta, simplesmente pq dao o que eles precisam, a hora que eles querem ver. 

 

Se as tvs nao acordarem para a vida, isso vai ser irreversivel em pouco tempo.. o valor do streaming vai ser incorporado ao orcamento do Brasileiro e a tv aberta nunca mais vai ver esse publico.

 

ja temos uma geracao de criancas e adolescentes que se acostumou a nao ver tv aberta diariamente.. se eles nao fizerem nada.. qdo essas criancas virarem adultos nao vao tocar no controle remoto para ver nada na tv linear. 

É isso aqui. Já temos uma geração que não assiste tv. Até mesmo os que assistem o BBB preferem assistir no Globoplay. Ou seja,a TV ainda vai perder muito.

Link to comment
Share on other sites

Em 24/01/2023 at 08:56, DanielOdyssey disse:

Sim.. mas eles também não se ajudam, colocando programas extremamente genéricos e novelas sem carisma no principal horário... Cada vez mais vejo debandada de pessoas que até 2019 viam bastante novela na TV aberta pros conteúdos de internet (YouTube, Netflix)

Eu sei como é, porque na minha casa já vivemos isso. Durante a pandemia, minha mãe pediu a senha do Globoplay e da Netflix para a minha tia e largou a TV aberta aos finais de semana. Agora esse ano que a gente comprou uma SmarTV é que ela nem olha para TV aberta no domingo, no sábado, ela só assiste ainda porque tem jornal e novela.

Em 24/01/2023 at 11:57, LucasPG disse:

O maior erro da TV brasileira foi demorar muito a perceber os ventos contrários (se é que já perceberam, aliás). A audiência do horário nobre, durante a semana, e dos fins de semana será cada vez mais diluída entre outras plataformas. Esses são os momentos em que as pessoas assistem filmes, séries, documentais e até realities, sem nenhum apreço ao linear.

 

A mudança do perfil de consumo é "imparável", obviamente, mas o perfil do mercado brasileiro dificulta ainda mais as coisas. Em nenhum momento, nos últimos 5 anos, nenhum canal, por exemplo, se movimentou para popularizar outras competições esportivas na TV brasileira, além do futebol. Aliás, nem os canais e nem as federações esportivas, cuja falta de visão para o "espetáculo televisivo" é quase um atestado de óbito nesses novos tempos. 

 

O mercado audiovisual, no resto do mundo, está trabalhando ativamente para tornar competições esportivas nas grandes "novelas" desses novos tempos, transformando atletas em personagens, com perfis elaborados, e muito marketing, para aumentar o consumo de esportes ao vivo. Nada disso é feito no Brasil. A SuperLiga de Vôlei é um dos mais terríveis casos de como a TV brasileira não constrói narrativas para segurar, ao menos em parte, a queda do linear. 

 

Estamos presos na década de 90 em termos de modelo de produção e distribuição, marketing e narrativas. E é isso. Vai com Deus, por burrice dos envolvidos.

Na verdade o streaming já é uma realidade, mas não pegou de vez porque o Brasil é um país pobre e grande parte não tem condições de assinar mais de 1 streaming. Acredito que futuramente, algumas plataformas redundantes (como Disney+ e Star+) vão se aglutinar e aí sim se tornarão acessíveis ao público mais pobre.

Sobre os esportes, eu endosso tudo o que você disse. E ainda completo dizendo que todo o processo de popularização dos esportes que a Globo fez no passado ela jogou no lixo em detrimento do "faturamento" que esses programas femininos vazios. 

Em 24/01/2023 at 12:27, Kax disse:

Desculpa, amigo. Eu que me atrapalhei ao digitar. 
Tirando a TV Linear da contagem, realmente, a maior parcela é do Youtube, depois Netflix, Globoplay etc. 
 

Naquela métrica dos 10 pontos, eu chuto: 5 pro YouTube, 3 pra Netflix, 1 pro Globoplay e o resto se divide nas outras plataformas. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

A questão é quanto tempo a Globo vai conseguir manter tantos canais na tv paga? Ainda mais agora com os streamings tendo publicidade as verbas tende a sair da tv paga para eles. Não duvido q até 2030 a Globo já tenha encerrado boa parte dos canais pagos e fique apenas com os principais

Link to comment
Share on other sites

35 minutos atrás, Brunooo.Marques disse:

É isso aqui. Já temos uma geração que não assiste tv. Até mesmo os que assistem o BBB preferem assistir no Globoplay. Ou seja,a TV ainda vai perder muito.

pelo menos a marca globo tem o globopaly mas a outras não tem nada disso tirando o sbt que é forte no youtube a record , band e redetv têm que correr atrás

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • VIP Premium Silver
3 horas atrás, Kax disse:

E esses 10 pontos do streaming, acho que uns 7 são da Netflix, 1 do Globoplay, quase 1 do Prime Video e o que resta vão para outros players.
Não sei se vocês viram, mas saiu mais uma análise do Kantar Ibope sobre essa fatia de audiência e, obviamente, Youtube e Netflix com as maiores porcentagens tirando a TV Linear da contagem.

spacer.png

Site https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n201358/netflix-streamings-perdem-tv-aberta-audiencia-br.html

Globoplay muito bem :clo11:

Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Brunooo.Marques disse:

O público mudou. Aquele público que via o Gugu no final da década de 90 ou o Silvio já não existe mais. As pessoas querem opção de poder assistir o que quiser a hora que quiser. Pausar uma série ou um filme a hora que bem entender. Novos tempos. 

O publico mudou e a tv aberta tb.. so que pra pior.. ao inves de ampliar os investimentos, houve um corte de investimentos brutal.. 


- Redetv nem lembra aquela emissora que liderava com Joao Kleber, com Noite afora.. tinha desenhos e o Panico na Tv .

- Band nao tem mais futebol como era antes, poucos investimentos e passou anos com uma igreja no seu horario mais nobre.. so agora ta tentando recuperar com Faustao, mas sinceramente.. eh mais do mesmo que ele fazia na globo.

- Globo cai a cada dia.. de 10 novelas que lanca, 7 sao fracassos.. os realities cansativos, as manhas mortas, e vivendo de reprises o que demonstra uma falta de criatividade e assertividade dos seus autores e diretores. 

- SBT parece morto vivo.. taca um monte de novela no ar.. e seus programas proprios sao as piores audiencias do canal.. mal ve 2 digitos durante o ano. viveu de um momento da Libertadores e so..

- Record matou as novelas, matou os auditorios, matou os realities.. so sobrou o jornalismo que tem se mostrado cada dia mais cansativo.. 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Um dos grandes problemas é que os executivos das emissoras são uma galera da velha guarda que não consegue de jeito nenhum entender a cabeça das novas gerações. O próprio boninho é um que quando foge do formato pronto do BBB tenta fazer uns programas "descolados" super cringe e sem noção, porque pensa que entende o jovem, mas passa longe.

 

O SBT tem o Silvio que tampouco entende nada dos dias atuais e a Record sempre foi uma emissora assistida por velhos em sua maioria e velhos conservadores que não aceitam bem mudanças.

 

Se as emissoras não investem em pessoas realmente capacitadas e não bancam uma reformulação completa investindo em esportes variados, programas ao vivo e jornalismo dinâmico (com investimento de verdade) elas vão simplesmente continuar gastando dinheiro tentando alcançar um público que JÁ NÃO EXISTE ou simplesmente jogar a toalha, como a Record claramente está fazendo.

 

Cidade Alerta não vai durar muito tempo. Só velho vê isso e é um tipo de programa que deveria ser proibido. Novelas bíblicas são nichadas demais e estão saturadas. Não basta tampouco comprar campeonatos (de qualquer esporte que seja) se a emissora não faz um trabalho de identificação com esse tipo de público e claramente não investe em qualidade de cobertura e transmissão.

 

Quantas vezes o SBT vai reprisar as mesmas novelas? Elas já passaram mais de 5 vezes cada, a tendência é que a audiência diminua a cada exibição mesmo. Programação ao vivo? Ok, mas qualidade zero. Jornalismo? Mesma coisa. Identificação nenhuma do público futebolista e mesmo assim a Sulamericana foi comprada.

 

A Globo é o caso mais triste: a emissora tem dinheiro, tem nome, tem tudo, mas insiste em fórmulas desgastadas. Não tem ninguém que saiba fazer um reality sem deixar tudo brega: o cenário, a apresentação, as dinâmicas. Os programas de auditório são engessados e frios. O jornalismo antiquado. A programação voadora. Só investe no futebol quando deveria estar investindo (de verdade) em todos os esportes possíveis porque esse é o futuro da TV: eventos ao vivo.

 

Doa a quem doer nesse fórum: programação gravada (novelas, filmes, séries) tem cada vez menos público na TV aberta porque é o tipo de conteúdo que a gente quer poder escolher quando vai ver. Não faz mais sentido pra mim, que nasci nos anos 90, sentar e esperar a novela começar. Imagina pra uma pessoa que nasceu em 2003? Nunca que essa geração vai assistir novela na Globo a não ser que seja a única opção de lazer possível. E nos grandes centros tem coisa muito melhor pra fazer, até pra quem não tem muito dinheiro. Nem que seja um Youtube da vida que você escolhe o que tá vendo.

 

  • Like 11
Link to comment
Share on other sites

3 horas atrás, J__ disse:

O streaming ta pegando um publico que ta chateado com a tv aberta. com o descaso que os diretores das emissoras estao deixando a tv aberta, simplesmente pq dao o que eles precisam, a hora que eles querem ver. 

 

Se as tvs nao acordarem para a vida, isso vai ser irreversivel em pouco tempo.. o valor do streaming vai ser incorporado ao orcamento do Brasileiro e a tv aberta nunca mais vai ver esse publico.

 

ja temos uma geracao de criancas e adolescentes que se acostumou a nao ver tv aberta diariamente.. se eles nao fizerem nada.. qdo essas criancas virarem adultos nao vao tocar no controle remoto para ver nada na tv linear. 

Na verdade, amg, hoje já estamos vivendo isso. A TV aberta perdeu muito público pelo descaso e as crianças crescem e já nem querem mais ver a TV. Porque mesmo não sendo público alvo, as crianças davam ibope para as novelas e programas de auditório. Hoje até Poliana espantou o público de novela, mais ainda as crianças e adolescentes que nem querem ver TV aberta e dificilmente voltam. É momento de adequar a programação e sair do comodismo. Essa parceria TV aberta e streaming é o caminho. Hoje a Globo tem perdido público na TV aberta mas ganha no streaming próprio. Mas ainda falta o troca troca da aberta para o streaming. Produções que sirvam para as duas plataformas e nao falo só de séries e novelas. Existe aquele programa que a Eliana fez para a Netflix que poderia passar no SBT na sexta 23h30. Entre outros. 

Link to comment
Share on other sites

Tem uma coisa muito falada aqui que é completamente falsa: o que se perde no linear NÃO se recupera no streaming! Há uma crise sem precedentes nos grandes grupos de mídia que apostaram que as perdas em publicidade da TV aberta e em assinantes/publicidade na TV paga seriam compensadas com assinaturas de streaming próprios e isso não aconteceu (e nem vai). Globoplay não vai salvar a Globo e as outras redes não serão salvas por investimentos em streaming. Na verdade, a tendência é que esses investimentos no DTC acelerem as perdas dos grupos de mídia, como ja estamos vendo a passos largos. Basicamente todos os executivos de mídia já falaram abertamente sobre isso nos últimos 6 meses. Os executivos de mídia brasileiros não falam nada porque as empresas não estão listadas na bolsa, sendo todas, basicamente, empresas familiares, e, por isso, não tem nenhuma transparência sobre a situação econômica.

 

Dito isso, a Globo vai se fuder com os investimentos no Globoplay. As outras já estão fudidas. Por incrível que pareça, a solução pra queda de faturamento na TV aberta passa pela própria TV aberta, já que a TV paga não é nem mais discutida em lugar nenhum do mundo. A questão é como tornar a TV aberta lucrativa, mantendo o público no linear o máximo possível. A resposta já existe, mas nenhum passo foi dado pra isso por nenhum grupo de mídia no Brasil. Como já disse, as federações esportivas estão inertes e os canais são incapazes de criar narrativas envolvendo essas federações. O jornalismo brasileiro também não entendeu seu lugar nesses novos tempos na TV aberta. As emissoras mal sabem captar recursos multiplataforma, insistindo que interatividade é colocar tweets do público na tela (a coisa mais sem noção já pensada, aliás!).

Edited by LucasPG
  • Like 10
  • Chocado 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share



 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.