Jump to content
📢 Compra de Pontos e Assinatura agora são via Mercado Pago ×


Search the Community

Showing results for tags 'notícias (música)'.

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Entretenimento
    • Brazilian TV News
    • Retro
    • International TV
    • Entertainment
    • On Air
    • BBB 23
  • Geral
    • General Area
    • Music
    • Politics
    • Happy Hour
  • Parceiros do Eplay
    • Não deixe de visitá-los!
  • Feedback
    • Shop
    • Site Questions
    • Archive

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Website URL


Twitter


Instagram


Spotify


Snapchat


Last.fm


TVShow Time


Banco de Séries


Filmow


Skype


Localização


Interesses

  1. O NX Zero anunciou, nesta quinta-feira (2), as datas e cidades da turnê de reencontro da banda. Veja abaixo: 05/06 – Rio de Janeiro/RJ - MITA 04/06 – São Paulo/SP – MITA 22/06 - Porto Alegre/RS - Auditório Araújo Viana 24/06 - Vitória/ES – Praça do Papa 30/06 - Curitiba/PR – Live 07/07 – Florianópolis/SC – Hard Rock Live 08/07 – São José do Rio Preto/SP – Centro Regional de Eventos 14/07 - Belo Horizonte/MG – Expo Minas 15/07 - Ribeirão Preto/SP – Centro de Eventos Ribeirão Shopping 21/07 – Brasília/DF – Arena BRB Nilson Nelson 22/07 – Goiânia/GO – Goiânia Arena 29/07 – Salvador/BA – Arena Fonte Nova 04/08 – Recife/PE – Classic Hall 05/08 – João Pessoa/PB – Domus Hall 11/08 – Natal/RN – Arena das Dunas 12/08 – Fortaleza/CE - Colosso 18/08 – Manaus/AM – Studio 5 19/08 – Belém/PA – Espaço Náutico Marine Club Os ingressos serão vendidos a partir desta sexta-feira (3), às 12h, no site oficial. Os preços ainda não foram divulgados. A turnê “Cedo ou Tarde” marca a volta de Di Ferrero, Gee Rocha, Filipe, Conrado Grandino e Daniel Weksler aos palcos juntos. Eles fizeram história com o NX Zero no começo dos anos 2000, no auge do movimento emo, com sucessos como “Cedo ou Tarde”, “Razões e Emoções” e “Só Rezo”. Mas a banda chegou ao fim em 2017, com uma turnê de despedida. Desde então, Di Ferrero seguiu em carreira solo e lançou dois álbuns. “Estou sentindo que vai ser um dos momentos mais incríveis das nossas vidas. Depois de várias histórias que cada um viveu nesse tempo, vamos trazer essa bagagem para essa tour”, afirma o vocalista em nota. Estreia no Mita Festival O primeiro show da turnê do NX Zero vai acontecer no Mita Festival. A segunda edição do evento está marcada para os dias 27 e 28 de maio, no Rio, e no final de semana seguinte, dias 3 e 4 de junho em São Paulo. Gorillaz, Gilberto Gil, Marina Sena, Luedji Luna, Matuê e Marcelo D2 tocaram no festival no ano passado. https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/2023/02/02/nx-zero-anuncia-turne-de-reencontro-com-shows-pelo-brasil.ghtml @Ferrero
  2. Ícone do rock, de 74 anos, diz que não consegue mais viajar Ozzy Osbourne não vai mais realizar turnês pelo mundo. Em nota publicada em seu Twitter oficial - confira na íntegra abaixo -, o ícone do rock confirmou que problemas de saúde causados por um acidente sofrido em 2019 o deixaram impossibilitado de viajar. Desde então, como contou Osbourne, ele tem realizado diversos tratamentos e adiado datas de turnês a fim de se recuperar. Na nota, o cantor lamentou que, embora "sua voz esteja em perfeito estado, o seu corpo continua fisicamente fraco". Além de cancelar oficialmente os shows que tinha marcado no Reino Unido e no restante da Europa para os próximos meses, Ozzy declarou que está se aposentando da vida na estrada. "Nunca imaginei que meus dias de turnê acabariam dessa forma. O meu time está tentando descobrir, no momento, uma maneira através da qual eu possa continuar performando, mas sem precisar viajar de país em país e de cidade em cidade", escreveu o ex-vocalista do Black Sabbath. Ozzy ainda agradeceu sua família, sua banda, sua equipe de turnê e seus colegas do Judas Priest, que seriam o ato de abertura da turnê europeia. "É claro, também quero agradecer aos meus fãs por sua infindável dedicação, lealdade e apoio. Vocês me deram a vida que nunca achei que teria", completou. Após ganhar fama como frontman do Black Sabbath nos anos 1970, Ozzy lançou uma carreira solo que incluiu hits como "No More Tears" e "Crazy Train". O seu álbum mais recente foi o Patient Number 9, de 2022. https://www.omelete.com.br/musica/ozzy-osbourne-aposentadoria-turnes @ozzy osbourne
  3. PRE-SAVE SOU MÁ + NASCI PRA VENCER https://wct.live/ludmilla-sou-ma-nasci-pra-vencer
  4. Votante 1: Um empresário de música que vota no Grammy há mais de 15 anos Record of the Year: "Eu escolhi Bad Habit de Steve Lacy para ambos ROTY e SOTY. É uma música pop que não parece com nenhuma outra música pop - não como gravações que você substituir o vocal e soariam a mesma coisa. Eu amo ABBA, mas eu não gosto desta música. A gravação de Harry Styles é muito boa. Tem muitos artistas como Brandi Carlile que são muito boas para o Grammy, então eu entendo porque esta aqui, mas a música não fez muito por mim. Eu gosto mas não amo da música de Beyoncé, “Break My Soul”, prefiro “Cuff It”. Acho que tem grandes chances da Beyoncé vencer algo no BIG3, ou até mesmo Adele poderia, “Easy On Me” é legal mas não é uma “Rolling in The Deep”." Album of The Year: "Kendrick. Ele é tão grande e este álbum não parece que ele se espelhou em ninguém. Bad Bunny é de longe o mais bem sucedido comercialmente, mas acho que muitas pessoas não fazem ideia de quem ele é, assim como quando “Despacito” foi a maior música do ano e não ganhou. O álbum do Coldplay é uma atrocidade. Eu não sei para quem esse álbum foi feito - Eu não acredito que crianças de 12 anos queiram escutar Chris Martin e eu definitivamente não acho que fãs do Coldplay queiram escutar BTS e Selena Gomez." Best New Artist: "Alguns deles eu não conheço, o que acho que é uma verdade para muitas pessoas. Eu votei em Wet Leg porque adoro o quão únicas elas são, eu acho que elas podem ganhar. Cada parte da industria está em sua propria bolha, mas no meu circulo elas são muito queridas. Maneskin parece muito “estranho” para o Grammy. Muni Long é fantástica, mas ela não é uma nova artista. Anitta não é uma nova artista também. Eu amo “Big Energy” de Latto - devia estar em ROTY - mas eu não sei se alguem conhece além desta música." VOTANTE 2: Um produtor-engenheiro vencedor do Grammy que é eleitor há quase 20 anos ROTY: "Eu sinto muito fortemente que Lizzo mudou a cultura. “About Damn Time” é uma faixa boa que todo mundo se relaciona. Eu também acho que as pessoas pensaram: ‘ok, Adele, Beyoncé - elas sempre ganham; são as mesmas pessoas que ganham sempre.’ Então fui na Lizzo. Eu acho que “As It Was” é maravilhosa. Eu amo a música de Brandi Carlile mas não acho que é uma ROTY. Eu também gosto muito da música de Steve Lacy. Para as categorias principais acho que vai mais do que seu proprio gosto, ‘E o Grammy vai para…’ deve simbolizar mais do que ‘eu gosto dessa música’." AOTY: "Eu acho que eles estão canalizando muito a música pop. O álbum de Brandi é talvez o unico que mostra músicos de verdade. A lista de créditos não tem 8 mil pessoas - 3 pessoas fizeram esse álbum, mais a banda e é só isto. O pendulo continua balançando fundo no mundo de homens brancos e voltando, e agora parece meio “nós temos que apreciar essas geração TikTok ou as crianças não vão entender porque temos essa premiação”. Mas eles não assistem TV! Se fosse sobre o que é tem mais stream, e olharmos para as pessoas latinas que existem no mundo, não é surpresa que o Bad Bunny esteja aqui. É também um bom álbum, mas isso me traz há: “O que acho excelente. Eu acho que Lizzo ultrapassou a linha entre o que é excelente.” BNA: "Eu estava entre Toby e Wet Leg, mas não vejo Toby como um novo artista, e eu vi Wet Leg algumas vezes como uma sensacional novidade, então votei por elas. Toby estava por aqui e Maneskin também - como eles são considerados BNA? Ou é apenas o Grammy dando um empurrãozinho? Anitta é marcante, talvez seja ela." VOTANTE 3: Um produtor de 20 e poucos anos, votando pela primeira vez ROTY: "As It Was é a mais culturalmente impactante e representativa do que nossa geração consome - uma canção pop perfeita. Ela foi muito onipresente para não ser considerada a gravação do ano. Eu acho que o Grammy deveria representar mais a atualidade. Eu nunca ouvi a canção do ABBA ou da Mary J. Blige, o que elas fazem aqui?" AOTY: "“Harry’s House”. Eu epssoalmente ouvi isso muito? Não. Ele se fez presente em todo o Tik Tok? Absolutamente. Beyoncé é uma segunda opção proxima e o projeto de Lizzo é bom, mas teve apenas uma grande música. Eu ouvi muito mais do álbum do Kendrick do que os outros, mesmo que não tenha tido uma música que se destacou e não sinto que teve um impacto cultural que este álbum merecia." BNA: "É a resposta mais fácil - Omar Apolo. Ele representa a comunidade LGBT e os latinos e faz a melhor música. Domi & JD Beck são maravilhosamente falados em seus nichos. A verdade é que não conheço os outros."
  5. Doja Cat não gostou das comparações que fizeram com a Britney Spears quando ela resolveu raspar o cabelo: “É absurdamente desrespeitoso que as pessoas diminuam tudo o que Britney passou e façam piadas ou algo do tipo de algo tão sério e que teve forte impacto em sua vida.” “Toda vez que vejo um comentário como esse, não consigo calcular o que está acontecendo, além de ser uma coisa horrível.” Doja também quer explorar o punk: “Quero explorar o punk. Mas não pop-punk. Eu quero explorar mais uma coisa punk hardcore, crua e não filtrada.” “Muitas pessoas pensam que não sou bom em lidar com trolls porque respondo a eles. Mas essa é a arte: adoro entrar em guerra com os trolls”, diz Doja Cat. “Estou na internet há 1.000 anos e isso é apenas parte de mim.” “Se alguém quiser brigar comigo na internet. Terei prazer em participar. É divertido para mim. Eu sou uma vadia muito bagunceira.” “É uma merda agora que não posso fazer minhas coisas totalmente no Instagram Live. Agora estou sendo inundado com pessoas que têm essas noções preconcebidas sobre mim, e eles vêm e tentam trollar. O que eu sou muito bom em lidar." Doja: “Se eu tivesse que descrever meu visual do Grammy 2023 em uma palavra, seria brutalista.” Um novo álbum de Doja Cat está garantido em 2023; sair na estrada, talvez não. “Quero ter certeza de que tudo o que estou fazendo agora em termos de gravação está consolidado antes de tomar qualquer decisão. O bebê ainda não nasceu.” “Existe uma arte em ser um canhão solto”, diz Doja Cat. “Ainda sou muito autoconsciente - tipo, não consigo tomar alguns drinques sem pensar na minha aparência e no que estou fazendo. Eu ainda faço papel de boba. Mas pelo menos sei o que disse. Doja Cat sobre raspar a cabeça: “É a melhor escolha que já fiz e nunca me senti mais bonita.”
  6. O anúncio foi feito no ano passado, porém algumas fotos recentes foram postadas recentemente com Logan, Kendall, Carlos e James no estúdio com alguns produtores e compositores Lançamento: 6 de Fevereiro
  7. @Moraes Lewis Capaldi foi o último nome anunciado e fecha a lista de performances da edição, que acontece no dia 11 de fevereiro. Harry Styles Lizzo Stormzy Wet Leg Sam Smith & Kim Petras Lewis Capaldi David Guetta & Becky Hill & Ella Henderson Cat Burns https://virginradio.co.uk/entertainment/92950/lewis-capaldi-announced-as-final-act-to-perform-at-brit-awards-2023
  8. Anitta confirmou planos de se aposentar da carreira de cantora em seis anos. Em entrevista à Billboard, a artista afirmou que gosta de novos desafios e ressaltou apoio do público brasileiro com as conquistas internacionais. "Com certeza, definitivamente" afirmou sobre encerrar a carreira nos próximos cinco ou seis anos. Ela disse que ama "mudanças, desafios e tentar coisas novas." Mergulhar de vez no mundo da atuação pode ser o próximo passo da brasileira, que mencionou ter recebido convites para participar de alguns filmes. Sobre a luta para chegar ao posto de destaque internacional, a cantora - indicada ao Grammy de Artista Revelação - relembrou: "Eu realmente queria isso, porque ouvi muitas vezes que era impossível. Queria provar o oposto, que alguém podia fazer isso." "[O público no Brasil] me apoia muito. Quando 'Envolver' começou a ficar realmente grande nas paradas fora do Brasil, os brasileiros diziam: 'Se você ama sua nação, você deve dar play nesta música.' Quando chegou ao Top 1 Global, foi como um feriado," ressaltou sobre apoio dos fãs. Interesse em Anitta é 1000% maior do que em outros indicados na web Anitta é uma das estrelas indicada ao Grammy em 2023. A cantora brasileira foi indicada na categoria Artista Revelação ao lado de nomes como Omar Apollo, Måneskin e Wet Leg. Apesar dos grandes concorrentes, a autora de "Envolver" é a que mais desperta interesse no público na internet. Pelo menos é o que mostra pesquisa divulgada pela plataforma global de publicidade MGID. Segundo o relatório, buscas pela brasileira são 1000% maiores em comparação aos outros indicados. Lista ainda conta com DOMi & JD Beck, Muni Long, Samara Joy, Latto, Tobe Nwigwe e Molly Tuttle. https://rollingstone.uol.com.br/musica/anitta-deve-se-aposentar-como-cantora-em-6-anos/
  9. BRATTY Chris Lebron CRYS GALE Grupo Frontera Grupo Marca Registrada Kevin Kaarl Lasso Ludmilla A poderosa artista brasileira Ludmilla tem subido constantemente ao topo com sua insaciável versatilidade de baile funk que abrange pop, trap, R&B e muito mais. “Penso no funk como um agente de mudança, principalmente na vida de tantas pessoas periféricas que não têm oportunidades”, disse ela à Billboard Español . “O Funk Abraça e eleva, nos faz reivindicar nosso lugar no mundo.” Com um ano marcante em que a estrela em ascensão ganhou um Grammy Latino por seu álbum Numanice #2, a nativa do Rio de Janeiro assinou mais recentemente um contrato de gestão com a WK Entertainment/Central Sonora. Ela também detém o título de primeira artista afro-latina a atingir um bilhão de streams no Spotify. A cantora e compositora está atualmente trabalhando em seu próximo álbum. — IV Majo Aguilar Marc Seguí Paola Jara Pol Granch Polimá Westcoast Quevedo Rels B Rusherking Ryan Castro Trueno Victor Cibrian Villano Antillano Wiplash Young Miko https://www.billboard.com/lists/latin-spanish-artists-to-watch-2023
  10. https://www.citientertainment.com/ 5.10 - STOCKHOLM, SE FRIENDS ARENA 5.14 - BRUSSELS, BE BAUDOIN STADIUM 5.17 - CARDIFF, UK PRINCIPALITY STADIUM 5.20 - EDINBURGH, UK MURRAYFIELD 5.23 - SUNDERLAND, UK STADIUM OF LIGHT 5.26 - PARIS, FR STADE DE FRANCE 5.29 - LONDON, UK TOTTENHAM HOTSPUR STADIUM 5.30 - LONDON, UK TOTTENHAM HOTSPUR STADIUM 6.02 - LONDON, UK TOTTENHAM HOTSPUR STADIUM 6.06 - LYON, FR GROUPAMA STADIUM 6.08 - BARCELONA, SP OLYMPIC STADIUM 6.11 - MARSEILLE, FR ORANGE VÉLODROME 6.15 - COLOGNE, DE RHEINENERGIESTADION 6.17 - AMSTERDAM, NL JC ARENA 6.18 - AMSTERDAM, NL JC ARENA 6.21 - HAMBURG, DE VOLKSPARKSTADION 6.24 - FRANKFURT, DE DEUTSCHE BANK PARK 6.27 - WARSAW, PL PGE NARDOWY 7.08 - TORONTO, CA ROGERS CENTRE 7.09 - TORONTO, CA ROGERS CENTRE 7.12 - PHILADELPHIA, PA LINCOLN FINANCIAL FIELD 7.15 - NASVILLE, TN NISSAN STADIUM 7.17 - LOUISVILLE, KY CARDINAL STADIUM 7.20 - MINNEAPOLIS, MN HUNTINGTON BANK STADIUM 7.22 - CHICAGO, IL SOLDIER FIELD 7.26 - DETROIT, MI FORD FIELD 7.29 - NEW YORK, NY METLIFE STADIUM 7.30 - NEW YORK, NY METLIFE STADIUM 8.01 - BOSTON, MA GILLETTE STADIUM 8.03 - PITTSBURGH, PA HEINZ FIELD 8.05 - WASHINGTON, DC FEDEX FIELD 8.09 - CHARLOTTE, NC BANK OF AMERICA STADIUM 8.11 - ATLANTA, GA MERCEDES BENZ STADIUM 8.16 - TAMPA, FL RAYMOND JAMES STADIUM 8.18 - MIAMI, FL HARD ROCK STADIUM 8.21 - ST. LOUIS, MI DOME AT AMERICAS CENTER 8.24 - PHOENIX, AZ STATE FARM STADIUM 8.26 - LAS VEGAS, NV ALLEGIANT STADIUM 8.30 - SAN FRANCISCO, CA LEVI'S STADIUM 9.02 - LOS ANGELES, CA SOFI STADIUM 9.03 - LOS ANGELES, CA SOFI STADIUM 9.11 - VANCOUVER, CA BC PLACE 9.13 - SEATTLE, WA LUMEN FIELD 9.18 - KANSAS CITY, KS ARROWHEAD STADIUM 9.21 - DALLAS, TX AT&T STADIUM 9.23 - HOUSTON, TX NRG STADIUM 9.27 - NEW ORLEANS, LA CAESARS SUPERDOME
  11. Se Beyoncé ganhar 4 dos 9 Grammys para os quais foi indicada no GRAMMY Awards de 2023, ela se tornará o artista com mais Grammys de todos os tempos. Uma linha do tempo dos momentos de Beyoncé no Grammy, desde sua primeira vitória com Destiny’s Child até fazer história com o Renaissance: https://www.grammy.com/news/beyonce-grammys-nominations-wins-performances-timeline-moments-videos-2023-history-record-jay-z Rank Artist Awards 1 Georg Solti 31 2 Quincy Jones, Beyoncé 28 4 Alison Krauss, Chick Corea 27 6 Pierre Boulez 26 7 Vladimir Horowitz, Stevie Wonder John Williams 25 10 Jay-Z, Kanye West 24 12 Vince Gill, U2 22 14 Pat Metheny, Al Schmitt Bruce Springsteen Henry Mancini David Frost 20
  12. Novo álbum da drag queen derrapa no uso insistente do drop, mas entrega uma boa dose de club music para os fãs de pop A figura de Pabllo Vittar não deveria surpreender o público que costuma bater ponto nas festas do eletrônico anticomercial de grandes cidades brasileiras. Vira e mexe a artista é vista aqui e acolá, discreta e altiva, nos embalos de grifes como Mamba Negra e Batekoo. Para essa turma, "Noitada" não traz nenhuma novidade. Para um público mais amplo, que faz jus ao título de pop star, seu mais novo álbum é um catálogo de refrescantes combinações do submundo e do pop. Sem deixar de ecoar tendências globais recentes, o disco formata novos sons de pista brasileiros para rádios e palcos sob o esquema pop-popular já conhecido da artista e seus produtores. A tônica de "Noitada" está nítida não apenas na faixa de abertura, que simula a entrada de uma balada com som alto e bafafá por toda parte —elemento observado em vários discos de festa, de Wilson Simonal a pioneiros da house music. O gosto pela pista também está na estrutura das canções, que mais se assemelham a tracks —as faixas próprias às performances de DJs segundo o jargão da categoria. Boa parte das 11 produções do disco tem trechos adequados para transições, como introduções e arremates sustentados por batidas marcadas ou linhas melódicas sutis. Os já lançados singles "Ameianoite", em parceria com a cantora Gloria Groove, e "Descontrolada", uma colaboração com MC Carol, incorporam essa fórmula. As batidas clássicas do tamborzão levam aquela enquanto a iteração mais atual do funk de São Paulo e seus subgêneros automotivo e agressivo seguram a outra. Tudo é guiado por uma levada quatro-por-quatro, aos moldes da club music. A parceria com a funkeira também conta com pequenos breaks, células rítmicas fundamentais a gêneros como o jungle, e uma linha melódica que lembra o célebre Korg M1, teclado que ficou famoso em clássicos da dance music dos anos 1990 como "Show Me Love", da americana Robin S. Esse som também está presente no último disco da cantora Charli XCX. Em "Crash", a britânica coroou quase uma década de maximalismo digital do hyperpop, gênero que surge tímido, mas sensível, em "Noitada". A faixa "Balinha de Coração", por exemplo, é uma colagem de muitos itens — uma montagem com formas rítmicas do funk do Rio de Janeiro tais quais a macumbinha e o atabacado de DJs como Corvina e Mumu do Tuiuti. A diva do pop Anitta é uma das colaboradoras de Pabllo Vittar nessa canção e também em "Calma Amiga", interlúdio que celebra a festa com uma voz fantasmagórica, sonoridade típica das correntes mais obscuras da house music A chegada de Anitta no disco é menos pela verve carioca que pelo hedonismo de "Noitada". O prazer inconsequente é um dos polos magnéticos do álbum. Ele transita nas vozes e nas letras em menções a balinhas e fritações, mas ganha corpo para valer nas mãos de produtores como Ruxell, parceiro de longa data de Pabllo, ou Tonias e Ramemes. Esses jovens são crias de redes sociais como o SoundCloud e softwares de produção de fácil acesso, como o FL Studio — dinâmica que vem mudando a indústria musical no mundo todo nos últimos dez anos. O afã da curtição desenfreada é, por outro lado, o principal deslize de Pabllo Vittar e turma no disco. O uso excessivo do drop, a sequência da música que se segue a um crescendo muito energético, torna o recurso trivial, ao estilo do EDM empacotado americano que triunfou na década de 2010. Essa mesma sanha por recriar as sensações da pista nos fones de ouvido também ofusca as capacidades vocais de Pabllo por vezes. Contratenor de muita amplitude, ela é relegada a segundo plano em "Apetitosa". Em que pese a interpretação soturna de Tchelinho, parte do grupo Heavy Baile, a faixa poderia ter presença mais marcante de Pabllo. A cantora volta a ganhar protagonismo quando retoma o brega pop modernizado que a alçou à fama inconteste. É nesse lugar em que reside o outro polo do disco —o amor deslavado e rasgado, a essência de seus sucessos antigos como "Amor de Que", "Triste com T" ou "K.O." "Cadeado" é um brega funk apaixonado que não deve nada a outros sucessos do gênero. Em "Culpa do Cupido", Pabllo brinca com as palavras se inserindo mais uma vez na tradição do cancioneiro brasileiro do duplo sentido, de marchinhas de Carnaval ao forró contemporâneo. "Noitada" também brilha quando se lança na ousadia pop, apontando para caminhos ainda pouco trilhados por quem domina o topo das playlists dos serviços de streaming no Brasil. É o caso de "Derretida", uma lambada brasileira com progressão de acordes de merengue digital —mesma base de Rosalía em seu bem-sucedido "Despechá". Outra faixa dessa linha é "Penetra". O pagodão triunfa com O Kannalha, que salva a música de se tornar apenas um número para cumprir tabela no alcance de referências populares desse álbum. Pabllo Vittar nunca se furtou a evidenciar essas e tantas outras referências dos interiores e favelas do país. É um escracho intrincado, de muitas camadas, que pega críticos arrivistas de calças curtas e atrai milhões de ouvintes. De certa forma, a cantora trouxe diferentes músicas do país para pistas de dança ainda avessas ao povo nestes últimos anos. "Noitada" faz o caminho inverso, com o adicional de que talvez não seja filho único —a última faixa do disco fala de um tal "after", a festa depois da festa. Uma continuação pode ampliar as derrapadas do álbum ou solidificar seus acertos https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2023/01/pabllo-vittar-chama-anitta-para-fazer-ode-ao-sexo-no-disco-noitada.shtml
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.