Jump to content
×
×
  • Create New...


No fim, "Favorita" deixa a lanterna no Ibope


Recommended Posts

No fim, "Favorita" deixa a lanterna no Ibope

Trama de autor novato, que acaba hoje, teve 2ª pior audiência das 21h na década
 

Com a exibição do último capítulo de "A Favorita", hoje à noite, a Globo se despede de um pesadelo. Por pouco a novela do novato João Emanuel Carneiro não foi encurtada. Escapou do "facão", mas poderia ser mais longa. Seu encerramento em janeiro, mês de férias, é totalmente atípico, porque isso pode prejudicar a sucessora.


"A Favorita" acumulava, até a última segunda, média de 39,3 pontos na Grande São Paulo. É a segunda pior audiência da faixa mais nobre da Globo nesta década. Só ganha de "Esperança" (2002), que registrou 38.
Parcialmente ofuscada por "Os Mutantes", da Record, "A Favorita" teve a pior estreia da história das novelas das oito. A Globo teve que relançá-la, dois meses depois, encerrando a ambiguidade sobre quem era vilã (Flora, Patrícia Pillar) e mocinha (Donatela, Cláudia Raia), em capítulo que parecia planejado para ser o último.


Mas sua recuperação só ocorreu mesmo após outubro, com o sucesso de Flora e a derrocada de "Os Mutantes".


"A Globo trabalhou muito por "A Favorita". Fez um fracasso para seus padrões parecer um grande sucesso. Tem um império de comunicação com esse propósito. É muito difícil concorrer com esse império", desculpa-se Tiago Santiago, autor de "Os Mutantes", que em agosto prometera fazer o possível para que "A Favorita" fosse o pior ibope das 21h da Globo. O bom trabalho de Patrícia Pillar é a única unanimidade. As opiniões sobre a novela se dividem. Uns a acham inovadora. Outros, superficial e toscA.

 

Para Silvio de Abreu, autor da Globo e ex-supervisor de João Emanuel Carneiro, "A Favorita" sofreu por ter arriscado. "A maneira de contar a história foi a novidade. A história evoluiu ao mesmo tempo em que os problemas eram encadeados, e os personagens iam se revelando de uma maneira sempre surpreendente. A narrativa foi subvertendo os mitos apresentados no início, como se fosse o reflexo contrário do espelho: a mocinha era a vilã, o homossexual gostava de uma mulher; o político corrupto encontra a redenção. Fugiu-se dos clichês", diz. Abreu, porém, diz que faltou humor à trama.


Lauro César Muniz, autor da Record, também elogia Carneiro. "Entre os jovens autores, é o mais promissor. Transita bem pela comédia e pelo drama policial. Mas falta coragem e depuração de estilo para se tornar um grande roteirista. Coragem para abandonar certas facilidades e livrar-se de estruturas esquemáticas", afirma, lembrando o excesso de cenas copiadas de filmes e séries (até "Chapolin" apareceu numa fala).


Para Muniz, "com todos os defeitos e problemas, "A Favorita" foi a melhor novela da Globo nos últimos anos".
Carneiro (que não quis falar com a Folha) indicou no site da Globo que Flora não morre. Muniz e Abreu aprovam. "Eu faria com que ela saísse impune e vitoriosa", sugere Abreu. "Flora merece passar o resto dos dias ouvindo em tempo integral "Beijinho Doce" cantado por Donatela e João Emanuel", propõe Muniz, cruel.
 

https://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq1601200921.htm

Link to post
Share on other sites


  • VIP Premium Special
11 minutos atrás, paulo! disse:

A narrativa foi subvertendo os mitos apresentados no início, como se fosse o reflexo contrário do espelho: a mocinha era a vilã, o homossexual gostava de uma mulher; o político corrupto encontra a redenção.

Nossa... :clo12:

Link to post
Share on other sites
  • VIP Premium Special
3 minutos atrás, paulo! disse:

 

Ele fez isso em varios novelas eu acho... e teve tb Bahia branca :nojo:

Faz em todas sim, é a marca registrada dele. :vaca:

Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Cupertino disse:

Pra mim a grande virada na trama foi aquela cena da morte do Gonçalo. A partir dali a novela ficou muito boa.

 

Acho q a virada q o texto se refere é na audiência... Essa morte foi no começo tb?

Link to post
Share on other sites
1 minuto atrás, paulo! disse:

 

Acho q a virada q o texto se refere é na audiência... Essa morte foi no começo tb?

 

Foi do meio pro final.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

JEC vinha do horário das 19h após ter feito duas novelas solares, icônicas e divertidíssimas!! Talvez por ter sido promovido pro horário nobre com tramas de outro estilo, ele tenha exagerado no drama, a favorita apesar de ter sido ótima, era muito densa e sombria.

 

Suas novelas posteriores no horário nobre teve tramas pesadas também mas passou longe da densidade de A Favorita.

Link to post
Share on other sites

A Favorita fechou com 39.5 pontos de audiência.

Melhor novela do JEC!

Flora rainha!

 

16 horas atrás, Cupertino disse:

Pra mim a grande virada na trama foi aquela cena da morte do Gonçalo. A partir dali a novela ficou muito boa.

Gonçalo morre no penúltimo mês da novela.

15 horas atrás, Cupertino disse:

 

Foi do meio pro final.

Praticamente na reta final, porque ele morreu faltando um mês para o fim da novela.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.






Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.