Jump to content
×
×
  • Create New...


A gente discutia o aborto sob uma falácia


Recommended Posts

Em todo sistema de moral que até hoje encontrei, sempre notei que o autor segue durante algum tempo o modo comum de raciocinar, estabelecendo a existência de Deus, ou fazendo observações a respeito dos assuntos humanos, quando, de repente, surpreendo-me ao ver que, em vez das cópulas proposicionais usuais, como é e não é, não encontro uma só proposição que não esteja conectada a outra por um deve ou não deve. Essa mudança é imperceptível, porém da maior importância. Pois como esse deve ou não deve expressa uma nova relação ou afirmação, esta precisaria ser notada e explicada; ao mesmo tempo, seria preciso que se desse uma razão para algo que parece totalmente inconcebível, ou seja, como essa nova relação pode ser deduzida de outras inteiramente diferentes.

 

HUME, David. Tratado da Natureza Humana. Tradução de Débora Danowiski. Livro III, Parte I, Seção II

 

Sim. Não há como discutir o aborto como: "Há tantos milhares de abortos clandestinos no Brasil, e por isso devemos descriminalizá-lo para dar bom atendimento a quem faz".

 

E sim, o "ser - dever ser", me coloca dúvidas sobre as drogas também. 

  • Like 2
Link to post
Share on other sites


  • VIP Premium Special

É como se alguém dissesse que políticos roubam aos montes (e não são punidos), enquanto pessoas de baixa renda também roubam (e são punidos). Qual deveria ser a solução óbvia pra questão? Passar a punir também os políticos. Pela lógica utilizada hoje para defender o aborto, a punição seria liberar o roubo para todos.

 

Isso com aquele velho argumento de que só mulheres ricas fazem aborto enquanto as pobres morrem. Como se a morte delas justificasse a morte de outro ser.

  • Like 3
Link to post
Share on other sites

É como se alguém dissesse que políticos roubam aos montes (e não são punidos), enquanto pessoas de baixa renda também roubam (e são punidos). Qual deveria ser a solução óbvia pra questão? Passar a punir também os políticos. Pela lógica utilizada hoje para defender o aborto, a punição seria liberar o roubo para todos.

 

Isso com aquele velho argumento de que só mulheres ricas fazem aborto enquanto as pobres morrem. Como se a morte delas justificasse a morte de outro ser.

Exatamente! 

 

Parece que Popper tem uma resposta -- digo resposta porque não li, então não posso dizer que é uma refutação -- para esta evidencia posta por Hume. 

 

Pior que eu gosto do Hume, mas só lembrei disso quando fui estudar os sentimentos morais  :clo2:

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

A falácia de que aborto é assassinato quando o que se discute é o aborto antes do inicio da vida? Infelizmente essa foi uma falácia que acabou sendo muito propagada. 

 

E sem essa de pró vida. Muitos se comportam como PRÓ NASCIMENTO(e dane-se o depois que nasce) 

  • Like 6
Link to post
Share on other sites

A falácia de que aborto é assassinato quando o que se discute é o aborto antes do inicio da vida? Infelizmente essa foi uma falácia que acabou sendo muito propagada. 

 

E sem essa de pró vida. Muitos se comportam como PRÓ NASCIMENTO(e dane-se o depois que nasce) 

 

esse argumento pró-vida é uma bobagem sem tamanho

 

é só olhar o número de mulheres que abortam e que morrem por causa de aborto onde é criminalizado e onde não é

 

os armamentistas adoram citar números pra defender o porte, então pq não olham pra essas estatísticas?

Link to post
Share on other sites

E nem digo que o aborto deve ser descriminalizado, para que seja feito pelo sistema público de saúde. Mas num primeiro momento, para que haja BOAS clinicas de aborto. E vai haver clinicas com preços acessíveis. Pq vai haver demanda. 

 

E clinicas boas. Com médicos aptos para o procedimento. 

Link to post
Share on other sites

esse argumento pró-vida é uma bobagem sem tamanho

 

é só olhar o número de mulheres que abortam e que morrem por causa de aborto onde é criminalizado e onde não é

 

os armamentistas adoram citar números pra defender o porte, então pq não olham pra essas estatísticas?

 

Sim. Não há como discutir o aborto como: "Há tantos milhares de abortos clandestinos no Brasil, e por isso devemos descriminalizá-lo para dar bom atendimento a quem faz".  

 

Os armamentista falam: "As pessoas devem ser livres para possuírem armas e, caso necessário, proteger sua integridade física através delas. Olhem só esses números de quantos estupros foram evitados por causa do porte". 

Link to post
Share on other sites

Os armamentista falam: "As pessoas devem ser livres para possuírem armas e, caso necessário, proteger sua integridade física através delas. Olhem só esses números de quantos estupros foram evitados por causa do porte". 

 

e os pró-descriminalização do aborto falam: "As mulheres devem ser livres para escolher entre ter ou não o filho, e, caso necessário (isso necessita uma clara avaliação, óbvio), fazer o aborto. Olhem só esses números de quantas mortes por abortos clandestinos foram evitados por causa das campanhas de prevenção do Estado, de uma conversa franca da mãe com um especialista ou simplesmente pela realização de um aborto legal".

Link to post
Share on other sites

e os pró-descriminalização do aborto falam: "As mulheres devem ser livres para escolher entre ter ou não o filho, e, caso necessário (isso necessita uma clara avaliação, óbvio), fazer o aborto. Olhem só esses números de quantas mortes por abortos clandestinos foram evitados por causa das campanhas de prevenção do Estado, de uma conversa franca da mãe com um especialista ou simplesmente pela realização de um aborto legal".

 

A diferença é que ela é responsável pelo indivíduo dentro dela, não dona.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

A diferença é que ela é responsável pelo indivíduo dentro dela, não dona.

É realmente um indivíduo? A questão é bem mais complexa e eu prefiro não entrar nesse tipo de mérito.

Por isso, eu apenas defendo o tipo de legislação que mais demonstra eficácia e preserva a vida, tanto da mãe quanto do feto.

Link to post
Share on other sites

Os armamentista falam: "As pessoas devem ser livres para possuírem armas e, caso necessário, proteger sua integridade física através delas. Olhem só esses números de quantos estupros foram evitados por causa do porte".

Não. O argumento armamentista a priori é a defesa pessoal, os números são a posteriori, diferente do que Hume disse.

Ser / dever ser

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

A melhor forma de debater um tema como o aborto é observar friamente o que a Ciência diz e, por uma questão de referência, o que 95% países desenvolvidos fazem.

Ia bem até a parte do que 95 por cento dos países desenvolvidos fazem. Historiograficamente você pode encontrar milhares de atrocidades feitas e instituídas por 95 por cento dos países considerados desenvolvidos até então.

E não, a decisão não é apenas técnica. Pode até dizer que até os 8 meses e 29 dias não há vida. Mas há o problema da dúvida se pode um homem decidir pela vida de algo/humano que não colocou em risco a vida de ninguém.

Sim, é um problema filosófico no fim das contas e não superficial.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Ia bem até a parte do que 95 por cento dos países desenvolvidos fazem. Historiograficamente você pode encontrar milhares de atrocidades feitas e instituídas por 95 por cento dos países considerados desenvolvidos até então.

E não, a decisão não é apenas técnica. Pode até dizer que até os 8 meses e 29 dias não há vida. Mas há o problema da dúvida se pode um homem decidir pela vida de algo/humano que não colocou em risco a vida de ninguém.

Sim, é um problema filosófico no fim das contas e não superficial.

 

Se observarmos que esses 95% se embasaram no que diz a Ciência para legalizar o aborto, perceberemos que tê-los como referência faz bastante sentido sim. 

 

E não, não é uma questão minimamente filosófica, é uma questão científica.   

  • Like 4
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.






Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.