Jump to content
×
×
  • Create New...


Search the Community

Showing results for tags 'pesquisa'.

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • TV
    • TV News
    • Retro TV
    • Big Brother Brasil 21
    • International TV
    • On Air
  • Entertainment
    • Séries e Streaming
    • Movies
    • Music
    • Esportes
  • Geral
    • General Area
    • Coronavirus
    • Tecnologia
    • Politics
  • Feedback
    • Compra de pontos
    • Site Questions
    • Archive
  • Funhouse EPlay's Geral

Categories

  • Anúncios
  • Novelas
    • Review
  • Política
    • Review
  • Music
    • Review
  • Esportes
    • Review
  • Cinema
    • Review
  • Reality Shows
  • Varieties

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Website URL


Twitter


Instagram


Spotify


Snapchat


Last.fm


TVShow Time


Banco de Séries


Filmow


Skype


Localização


Interesses

  1. Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (10) pelo jornal "Folha de S.Paulo" mostra que 51% dos brasileiros são contra a reforma da Previdência proposta pelo governo do presidente Jair Bolsonaro: Contra: 51% A favor: 41% Indiferente: 2% Não sabe: 7% * o instituto de pesquisa arredondou os resultados, que somaram 101% no total O Datafolha ouviu 2.086 brasileiros com 16 anos ou mais, em 130 municípios de todo o país, entre os dias 2 e 3 de abril. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Apoio
  2. https://www.oantagonista.com/economia/deputados-querem-alterar-idade-minima-e-regras-de-transicao/ Segundo a pesquisa da XP, realizada com 201 deputados, nem a idade mínima proposta pelo governo deve ser aprovada. De fato, 58% dos parlamentares pretendem alterar esse ponto da PEC. A regra de transição também será modificada, de acordo com 63% dos deputados entrevistados. A pesquisa da XP com 201 deputados mostrou que apenas 52% acreditam que a reforma previdenciária será aprovada em 2019. Mais grave do que isso: 48% dos parlamentares responder
  3. Para mercado financeiro, votação da reforma da Previdência deve demorar mais que o esperado A maioria dos investidores acredita que a proposta só será analisada na Câmara dos Deputados no segundo semestre. Mas atribui grandes chances de ela ser aprovada Para mercado financeiro, votação da reforma da Previdência deve demorar mais que o esperado - InfoMoney Veja mais em: https://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/8109062/para-mercado-financeiro-votacao-da-reforma-da-previdencia-deve-demorar-mais-que-o-esperado
  4. Sergio Moro é o ministro mais popular e mais bem avaliado do governo Bolsonaro, aponta pesquisa do Datafolha. O ex-juiz federal é conhecido por 93% dos entrevistados. O desempenho no comando do Ministério da Justiça e da Segurança Pública é considerado ótimo ou bom por 59%. Segundo o Datafolha, 17% consideram a atuação de Moro regular e 15% a classificam como ruim ou péssima. Não souberam opinar 2%. O resultado não surpreende, uma vez que Moro é o principal símbolo da Lava Jato no país, ídolo popular saudado em manifestações de rua desde o início da operaçã
  5. Pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (7) mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL): Ótimo/bom: 32% Regular: 33% Ruim/péssimo: 30% Não sabe/não respondeu: 4% A pesquisa ouviu 2.086 pessoas com mais de 16 anos, em 130 municípios, nos dias 2 e 3 abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. É a pior avaliação para um presidente da República no início de primeiro mandato desde 1990. Reprovação (após 3 meses):
  6. Pesquisa Datafolha, veiculada neste sábado (6) no jornal “Folha de S.Paulo”, aponta que a comemoração da data que marcou o início da ditadura militar no Brasil, incentivada pelo presidente Jair Bolsonaro no mês passado, não tem o apoio da maioria da população. Para 57% dos entrevistados, o golpe de 31 de março de 1964, deve ser desprezado; 36% disseram que a data merece comemoração. O instituto entrevistou 2.086 pessoas em 130 municípios entre terça (2) e quarta-feira (3). A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de c
  7. Assim como em outras pesquisas, no Atlas Político, encomendado pela BBC Brasil, a popularidade do governo aparece em queda livre, com o ótimo/bom já aparecendo abaixo do Ruim/Péssimo: Quanto à aceitação de certas figuras, chama minha atenção a aprovação de Paulo Guedes - elevada para um ministro da Fazenda, que tipicamente costuma ser uma figura impopular. Talvez Guedes seja o ocupante do cargo mais carismático desde FHC e Zelia. Já Rodrigo Maia aparece altamente rejeitado, refletindo a ojeriza generalizada (e muitas vezes exagerada) a políticos tradiciona
  8. Aprovação de Bolsonaro só é melhor que as de Temer e Itamar Franco, diz XP Apesar de 50% dos entrevistados esperarem um governo ótimo ou bom para o restante do mandato de Bolsonaro, número caiu 13 pontos de janeiro para cá Por Ligia Tuon 5 abr 2019, 11h20 - Publicado em 5 abr 2019, 11h05 Jair Bolsonaro, presidente da República REUTERS/Ueslei Marcelino (Ueslei Marcelino/Reuters) São Paulo – Prestes a completar 100 dias de mandato, o governo Bolsonaro tem visto sua popularidade cair. O nível de aprovação do presidente eleito só é melhor que
  9. https://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/7935293/bolsonaro-mantem-40-de-avaliacoes-positivas-mas-otimismo-com-combate-a-corrupcao-cai-10-pontos-diz-pesquisa Bolsonaro mantém 40% de avaliações positivas, mas otimismo com combate à corrupção cai 10 pontos, diz pesquisa Segundo levantamento XP/Ipespe, percepção sobre notícias positivas ao governo superava as negativas antes da crise que culminou na queda do ministro Gustavo Bebianno
  10. Maioria diz que gênero e sexualidade devem entrar no currículo escolar, diz pesquisa encomendada pelo MEC Realizado em janeiro de 2018 nos moldes das pesquisas eleitorais, levantamento do Instituto GPP contratado pelo MEC por R$ 216 mil mostra ainda que 62,6% da população não sabe explicar o que é 'ideologia de gênero'. Por Luiz Fernando Toledo, TV Globo 05/02/2019 08h07 Atualizado há 14 horas
  11. Pesquisa Ipsos indica que 74% desaprovam Bolsonaro na América Latina Por Ana Krüger O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) é aprovado por apenas 25% dos entrevistados em pesquisa realizada em 14 países da América Latina pelo Instituto Ipsos. O levantamento mapeou a aprovação dos presidentes e presidentes eleitos nos respectivos países. Foram entrevistadas 362 jornalistas e formadores de opinião, dos 14 países, de 2 a 29 outubro de 2018. Entre os consultados há colaboradores de vários tipos de veículo: jornais, emissoras de TV e rádio, sites, r
  12. 1 - Vamos em Frente com Wagner (2010) 2 - Eu To com Neto (2012) 3 - Pra Mudar Salvador (2012) 4 - 25 na Cabeça (2012) 5 - Pra Bahia Mudar Mais (2014) 6 - Eu Quero Paulo Souto (2014) 7 - Lídice é Massa (2014) 8 - É Neto Outra Vez (2016) 9 - Coração Trabalhador (2018) 10 - A Correria Não Pode Parar (2018) @Matheusbp @Ricardo Viz @Massis @Pentium @Ferrero @Gótico @Rômulo
  13. Dilma tem 52%, e Aécio, 48% dos votos válidos, diz Datafolha Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (25) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República: - Dilma Rousseff (PT): 52% - Aécio Neves (PSDB): 48% Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folh
  14. Votos válidos: Wilson Witzel (PSC): 53% Eduardo Paes (DEM): 47% No levantamento anterior, Witzel tinha 56% e Paes, 44%. Votos totais: Wilson Witzel (PSC): 44% Eduardo Paes (DEM): 40% Em branco/nulo: 9% Não sabe: 7% Considerando que o Datafolha cravou que há tendência de alta de Eduardo Paes e de queda de Wilson Witzel, a eleição está indefinida. ______________ Conhecimento do número: Wilson Witzel: Menções corretas – 82% Menções incorretas – 2% Não sabe o número do candidato – 16%
  15. Ibope no Rio Grande do Sul, votos válidos: Eduardo Leite, 57%; José Ivo Sartori, 43% Nos votos totais, Eduardo Leite tem 51%, e José Ivo Sartori, 39%. Pesquisa é a terceira do Ibope no 2º turno das eleições no Rio Grande do Sul. O Ibope divulgou neste sábado (27) o resultado da terceira pesquisa do instituto sobre o 2º turno da eleição para governador no Rio Grande do Sul. O levantamento foi realizado entre 25 e 27 de outubro e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos. Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes: Eduardo Leite (PS
  16. https://gauchazh.clicrbs.com.br/politica/eleicoes/noticia/2018/10/pesquisa-ibope-para-presidente-no-rs-Salnorabo-tem-61-dos-votos-validos-e-haddad-39-cjns0u9mv08xu01rxv1hyjg2e.html
  17. O Ibope divulgou nesta sexta-feira (26) a última pesquisa do instituto sobre o 2º turno das eleições para governador em Santa Catarina. O levantamento foi realizado entre 24 e 26 de outubro e tem margem de erro de 3 pontos, para mais ou para menos. Nos votos válidos os resultados foram os seguintes: Comandante Moisés (PSL): 59% Gelson Merísio (PSD): 41% Na pesquisa anterior, Comandante Moisés também tinha 59% e Gelson Merísio, 41%. Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declararam indecisos. O pr
  18. Votos Totais: França 43% Doria 42% Brancos/Nulos: 9% Não Sabe: 7%
  19. VOTOS VÁLIDOS Ustra 54% Haddad 46% VOTOS TOTAIS Ustra 47% Haddad 41% Brancos/Nulos 10% Indecisos 2% POTENCIAL/REJEIÇÃO Ustra Com certeza - 39% Poderia votar - 10% Não votaria de jeito nenhum - 39% Não conhece o suficiente - 11% Não Sabe - 2% Haddad Com certeza - 33% Poderia votar - 12% Não votaria de jeito nenhum - 44% Não conhece o suficiente - 10% Não Sabe - 2%
  20. CERTEZA DO VOTO Eleitores de Fernando Haddad (PT) - 97% Eleitores de Jair Bolsonaro (PSL) - 95% REJEIÇÃO ENTRE OS ELEITORES DE CADA CANDIDATO Eleitores de Fernando Haddad (PT) que rejeitam Jair Bolsonaro (PSL) - 95% Eleitores de Jair Bolsonaro (PSL) que rejeitam Fernando Haddad (PT) - 89% REJEIÇÃO DOS CANDIDATOS ENTRE OS ELEITORES QUE PODEM VOTAR BRANCO/NULO Fernando Haddad (PT) - 45% Jair Bolsonaro (PSL) - 11% Rejeitam os dois - 33% Não sabem - 11% REJEIÇÃO DOS CANDIDATOS ENTRE OS ELEITORES INDECISOS Fernando Had
  21. Votos válidos: Ibaneis Rocha (MDB): 70% Rodrigo Rollemberg (PSB): 30% Votos totais: Ibaneis Rocha (MDB): 62% Rodrigo Rollemberg (PSB): 26% Em branco/nulo: 7% Não sabe: 5% Ibaneis Rocha: Está totalmente decidido a votar: 90% O voto ainda pode mudar: 10% Rodrigo Rollemberg: Está totalmente decidido a votar: 83% O voto ainda pode mudar: 17% https://g1.globo.com/df/distrito-federal/eleicoes/2018/noticia/2018/10/27/datafolha-no-distrito-federal-votos-validos-ibaneis-70-rollemberg-30.ghtml
  22. O Ibope divulgou neste sábado (27) o resultado da segunda pesquisa do instituto sobre o 2º turno da eleição para governador em Sergipe. O levantamento foi realizado entre sexta-feira (26) e sábado (27) e tem margem de erro de 3 pontos, para mais ou para menos. Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes: Belivaldo Chagas (PSD): 61% Valadares Filho (PSB): 39% Na pesquisa anterior, Belivaldo Chagas tinha 52% e Valadares Filho, 48%. Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecis
  23. O Ibope divulgou neste sábado (27) o resultado da segunda pesquisa do instituto sobre o 2º turno da eleição para governador no Pará. O levantamento foi realizado entre sexta-feira (26) e sábado (27) e tem margem de erro de 3 pontos, para mais ou para menos. Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes: Helder Barbalho (MDB): 57% Márcio Miranda (DEM): 43% Na pesquisa anterior, Helder Barbalho tinha 58% e Márcio Miranda, 42%. Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos.
  24. Realizada apenas no dia 26 de ontem. Jornal da Record.

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.