Jump to content
×
×
  • Create New...


Caio

Membro
  • Content Count

    401
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    0 [ Donate ]

Community Reputation

802 Muito Bom

About Caio

  • Rank
    Calouro
  • Birthday 06/10/1998

Recent Profile Visitors

1,137 profile views
  1. Bernie Sanders é literalmente a versão democrata do Trump. A começar por ele não ser um democrata verdadeiro; ele sempre foi um senador independente cuja agenda muitas vezes entrou em contraste com a plataforma de consenso do partido (Sanders votou contra a Reforma de Imigração de 2007 para defender os interesses de trabalhadores brancos e tem fortes ligações com o lobby das armas, por exemplo). Além disso, não fez quase nenhum esforço para fazer campanha para a Hillary em 2016 e tentou disputar as primárias em 2012 contra o Presidente Obama, que, segundo Bernie, é fraco e um desapontamento.
  2. Eu amo o perfil passivo-agressivo das notas da Globo.
  3. Eu posso ter entendido errado, mas acredito que essa fotografia mais parecida com cinema seja o novo padrão das novelas das 9 graças ao MG4. Assim como o Projac, quando lançado, mudou o padrão de produção de novelas, o MG4 também proporciona um nível de produção em grande escala mais sofisticado do que o anterior. E isso não é uma 'traição ao gênero', é isso que vai fortalecer as novelas e levar o gênero adiante para as próximas décadas. E acho engraçado a percepção que cada um tem de novela. Tirando a fotografia, eu tenho achado Amor de Mãe mais parecida com uma novela tradiciona
  4. Pra começar, o artigo no Wall Street Journal é uma opinião, só uma opinião, não uma fonte interna de quem trabalha pros Clinton. Mark Penn foi demitido depois da campanha de 2008. O que tem ficado muito claro com as repercussões sobre um possível comeback da Hillary e com a nomeação da Nancy Pelosi é as duas medidas que ainda há entre o tratamento de homens e mulheres na política. Hillary é mais nova que Biden (ela vai ter 73 em 2020 e ele vai ter 77) e, se for candidata em 2020, vai ter concorrido menos vezes que ele pra presidente (ela vai tar na terceira campanha, ele na quarta
  5. Não sei se você tá acompanhando, mas já tá acontecendo uma guerra entre os apoiadores do Sanders e da Warren. Acho que quem apoia o Sanders tem graves problemas com mulheres no comando. Os dois vão acabar se matando. Com Biden na disputa, minha torcida iria pro Cory Booker. Ele é pragmático, racional, engraçado e também representa o novo. Único problema: é solteiro aos 49.
  6. Eu também não. Eu, particularmente, não gosto muito da pessoa que Biden é, apesar de ter a agenda que mais se aproxima do que eu acredito. Acho que a gente vai ter algumas surpresas ainda, vamos ver. Li agora há pouco os comentários anteriores desse tópico, três coisas: 1) Bernie Sanders perdeu muito apoio dentro do Partido Democrata, tem ficado cada vez mais claro a pessoa oportunista que ele é e todo o estrago que ele fez contra a Hillary em 2016, acho muito difícil ele conseguir alguma coisa em 2020; 2) temos que separar as coisas, a maioria dos candidatos desse anos
  7. Três já anunciaram uma pré-campanha: Bernie, Elizabeth Warren e Joe Biden. Tem outros muito especulados: a senadora Kamala Harris, Cory Booker, Michael Avenatti, Bloomberg...
  8. Pois então, não concordo com o Guga Chacra. Acho que houve sim uma Onda Azul, mas não um tsunami azul como os mais otimistas esperavam. Projeções realistas, que já mostravam uma Onda Azul, diziam que os democratas iriam retomar o controle da Casa com uns 225, conseguiram 230, e iriam perder algumas cadeiras no Senado, e de fato perderam duas. Em números de voto totais, assim como em 2016, os democratas foram muito melhores que os republicanos: 56,7% contra 41,6% pro Senado e 51,1% contra 47,2% na Casa. Na Geórgia, havia uma pequena possibilidade dos democratas ganharem, Georgia é
  9. Estados Unidos (República Federativa Constitucional) Você é uma pessoa que valoriza a liberdade individual acima de tudo, principalmente a SUA liberdade individual. Na sua visão o capitalismo norte-americano dá a todos a oportunidade de alcançar "O sonho americano". Você acredita que cada pessoa é responsável por si então, ideologicamente, o papel do estado deve ser fornecer oportunidades para que se tenha uma boa vida. Boa vida esta que pode ou não ser alcançada de acordo com os próprios esforços individuais.
  10. É, só que dessa vez quem sofreu o atentado foram líderes que tão na linha de frente de oposição ao presidente e uma organização de mídia que tem sido alvo constante de ataques dessa administração.
  11. Nós perdemos duas grandes oportunidades, a ALCA e o TPP, em um período que o mundo todo tava se redesenhando a partir de blocos regionais. Podíamos ter entrado em um novo grau de desenvolvimento, assim como o México entrou com o NAFTA. Agora que nós precisamos desesperadamente de uma saída, eles, os países desenvolvidos, não querem mais. Acho que a saída é essa mesmo, diversificar nossos acordos bilaterais e já ir treinando nossa economia e nossos negociadores para projetos futuros.
  12. Acho que tá bem claro que a base do Salnorabo é composta pela "cesta de deploráveis". Afinal, foi só através da opinião dele sobre temas sociais como mulheres, gay e negros que ele cresceu politicamente. Foi indo em programas lixo na tv e falando bobagem que tirou ele das grotas da Câmara pra ter alguma relevância nacional. Agora, nessas eleições surgem outros tipos de apoiadores. Os políticos tradicionais não dão respostas muito claras pra crise econômica, a corrupção tá assustando todo mundo. Uma das formas que eu to entendendo essas eleições é a partir do fato que a democracia
  13. Acho que a melhor estratégia seria bater bem mais forte e sem medo no Bolsonaro, inclusive usando trechos das propostas econômicas horríveis dele e meter o terror do prato de comida desaparecendo e a economia colapsando, e ao mesmo tempo polarizar com o PT, trazer de volta a confusão que foi o governo Dilma. É esse o cenário que eu vejo pro Alckmin se recuperar: desidratar o Bolsonaro e aumentar o anti-petismo. Pode voltar com aquela estratégia de sucesso do Aécio em 2014, "o voto útil para vencer o PT". Eu acho que Alckmin ainda tem alguma chance porque ele tem possi
  14. Tem os presidentes clássicos, que são muito difíceis de serem superados justamente por terem tornado realidade o grande idealismo que eram os Estados Unidos, e aí entra Washington, John Adams, John Quincy Adams, Lincoln e vários outros. Entre os presidentes modernos, os do século 20, é muito difícil estabelecer uma ordem porque cada um cumpria as obrigações do seu tempo, então vou listar quais, na minha opinião, se destacam: Teddy Roosevelt: Um Progressista com P maiúsculo. Se hoje os EUA têm uma economia dinâmica, moderna e liberal, isso é graças ao pulso firme de Roosevelt. Um vi

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.