Jump to content
×
×
  • Create New...


Gui

Membro
  • Content Count

    429
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    0 [ Donate ]

Community Reputation

142 Iniciante

1 Follower

About Gui

  • Rank
    Calouro
  • Birthday 07/07/1990

Recent Profile Visitors

938 profile views
  1. Na Globo é possível sim fazer programa por obra, tanto que a Angélica ta fazendo o Simples Assim nesse modelo.
  2. Não adianta ignorar o Covid que o tempo trata de mostrar que ele ainda está ativo.
  3. A real é que na Globo SP os jornalistas tem menos oportunidades de crescimento em TV Aberta do que na Globo RJ. É só olhar que de todos a Maju é a que mais teve oportunidade ( Rodizio JN, Regra três do Fantástico e Papo de Política no G1 e na News), a Renata está em praticamente todos os veículos, O Bocardi e o Tralli até aqui só tem oportunidades como substitutos, sendo que o primeiro só aparece em rede no BDB quando está no BDSP. Sandra enterrada no GR e os demais substituem os Locais e pouco emplacam no JN que tem aberto mais espaço para o DF e o RJ, ou seja, a longo prazo não se vê chances
  4. Interessante que na Globo é muito comum jornalistas da Redação SP não verem chance de crescimento e por isso acabam deixando a emissora. No Rio isso acontece muito pouco.
  5. Estilo estético muda mesmo com o passar dos anos e ate aqui nao significa fim da era hans donner pq a ideia central foi dele e segue mantida. A Globo ja acabou com a "era espacial" nas vinhetas em que os objetos aparecem voando no meio da tela, já acabou com a era dos logos cromados e agora está acabando com a era 3D. É apenas isso. Hans sempre será referência.
  6. Que rompimento? A Ivete não rompeu contrato nenhum, só nao aceitou assinar novamente para a nova temporada do The Voice por causa das viagens. Ricco mais uma vez forçando para criar pauta que não tem sentido nenhum.
  7. Pela forma que terminou é certeza que o Park nunca será reprisado. Nem a propria Xuxa gostaria que isso acontecesse.
  8. Difícil deixar mais ágil uma trama que enrola e que fica entrelaçando varias tramas paralelas chatas com as dos personagens que de fato valem a pena. Fora os erros da direção. Salve Jorge cabe no maximo num "Novelão da Semana" do Video Show pq de bom mesmo ali só as surras em Wanda, Helô e Stenio e a ultima semana (que mesmo sendo boa ainda tem aquele plot insuportável da Aisha).
  9. A questão é que o soteropolitano não quer ver programa esportivo entre entre 12h e 15h, tanto que durante o período mais restritivo da pandemia, sem GE, a TV BA melhorou consideravelmente. Espero que esse teste da Globo leve isso em consideração também e pense na possibilidade de colocar o PRAÇA TV também como janela esportiva na hora de fechar os direitos dos eventos.
  10. Eu acho interessante como o tempo fez as pessoas esquecerem que Salve Jorge é uma novela ruim que foi minimamente aceitável graças a Giovanna Antonelli como Donelô. Agora ficam pedindo a volta da novela, mas assim que verem a primeira cena do núcleo da Capadócia ou da superlotada casa da personagem da Nicete Bruno vão falar que a Globo errou na escolha.
  11. Isso ai da sequência não tem nada a ver, tanto que a Malhação 2004 (da vagabanda) e Viva a Diferença foram as únicas temporadas dos anos 2000 que foram vendidas no mercado internacional até hoje.
  12. O Ricco fez uma salada e não explicou direito pq uma coisa é certa, os roteristas vão ter contrato por obra, mas essa história de que só vão ficar os medalhões numa emissora que produz três faixas de novelas inéditas e uma Malhação é meio estranho. Claro que vai ter demissões como aconteceu com as autoras de Verão 90, mas isso de só ficar os medalhões tá com cara de achismo, até pq se for assim não vai ter ninguém para produzir novelas das 19h.

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.