Jump to content


O L

Membro
  • Content Count

    101
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    26 [ Donate ]

Community Reputation

8 Neutro

Recent Profile Visitors

750 profile views
  1. Discovery Home & Health e Pampers estreiam Chá dos Sonhos – Lá vem o bebê A Pampers e o Discovery Home & Health estreiam nesta segunda-feira (27) o Chá dos Sonhos – Lá vem o bebê. O programa é uma coprodução entre o canal e a Formata, e conta com o apoio da Publicis. A série é apresentada pela atriz Milena Toscano, mãe do pequeno João Pedro, hoje com um aninho. A cada episódio ela terá a ajuda da organizadora de festas Andrea Guimarães para presentear famílias com chás de bebê temáticos. São seis episódios de meia hora na temporada de estreia. Em cada um deles, uma grávida é indicada por familiares ou amigos, os cúmplices da produção, para receber a vista de Milena e Andrea e ganham um chá de bebê. Além da organização da festa, a produção auxilia as famílias no planejamento e preparação do enxoval. Além da exibição no canal linear, os episódios estarão disponíveis no YouTube do Discovery Home & Health e de Pampers – sempre a partir do domingo anterior à estreia na televisão. Vídeos de curta duração com as dicas de ‘faça você mesmo’ dadas por Andrea e relatos sobre a maternidade de Milena também estarão disponíveis nas redes sociais do canal e da marca – Facebook e Instagram – e irão ao ar durante os intervalos da série. O projeto marca a entrada do Discovery Home & Health no Pinterest, onde serão compartilhadas as referências de chá de bebês com curadoria de Andrea. O site da emissora concentrará os conteúdos das diversas plataformas, incluindo os episódios completos, que também estarão disponíveis nos serviços on demand das operadoras Net, Claro e Vivo. Pampers também traz ferramentas e conteúdo online para ajudar na organização do chá de bebê, como calculadora de fraldas, convite online, dicas de brincadeiras para a festa. “Na série estão reunidas duas marcas líderes em seus segmentos e de grande reputação junto ao público feminino. Essa afinidade é transposta para o conteúdo em narrativas emocionantes apresentadas em formato que une entretenimento e serviço por meio das dicas. Por isso, este projeto ganha as diversas telas e plataformas como um ótimo exemplo de todo o potencial que possuem as soluções customizadas em branded entertainment da Discovery Networks”, afirma Roberto Nascimento, o Naná, vice-presidente de vendas publicitárias da Discovery Networks no Brasil. “O chá de bebê é a celebração da chegada de uma nova vida, e a série Chá dos Sonhos vai trazer toda essa emoção, mostrando como as gestantes e família começam a amar cada momento com seus bebês”, conta Julia Asakawa, gerente de Marketing de Pampers. “A fralda é um presente muito desejado nessa festa, e é um privilégio para Pampers participar de tantos chás de bebê pelo Brasil todo, e ser uma aliada para os pais e mães que acompanha o desenvolvimento saudável e feliz dos bebês”. “Andrea Guimarães e Milena Toscano tiveram ótima química e os bastidores refletiram o que o foi essa produção: um projeto leve e feliz! Agradeço à Discovery, grande parceira, por essa oportunidade”, diz Daniela Busoli, CEO da Formata. Propmark
  2. Pelo que eu sei é que de regra lançam 5 cotas de patrocínio net + 1 cota local.
  3. E pensar que ela já foi a produtora com o maior volume de programas na tv. Bem triste
  4. É nítido que você não entende nada de TV, uma vez que está comparando um programa semanal com outro que é de temporada. Menos...
  5. Fábio Porchat Foto: Record/Divulgação Fábio Porchat vai ganhar um programa no GNT a partir do ano que vem. O apresentador pediu a rescisão no seu contrato com a Record na segunda-feira depois de firmar um “acordo de cavalheiros” com a emissora a cabo que pertence a Globosat. Porchat tinha contrato com a Record até 31 de dezembro, mas podia pedir o fim da parceria três meses antes. Por causa disso, Porchat só pode aparecer no GNT a partir de janeiro.
  6. MTV Brasil anuncia sua 2ª série de ficção, ‘Feras’, focada na cena paulistana O TelePadi anuncia aqui em primeira mão que já está em produção a segunda série de ficção da MTV Brasil na gestão Viacom. Da Primo Filmes, “Feras” tem criação de Teodoro Poppovic, Maria Farkas e Lia Klakauskas. O elenco conta com João Vitor Silva, Camila Márdila, Vinicius Siqueira, Rodrigo Garcia, Túlio Starling e Mohana, mais participação luxuosa de Jesuíta Barbosa, Laerte, Clarissa Pinheiro e Rodrigo Bolzan. Tendo como ambientação a cena paulistana da Rua Augusta, o enredo dispensa aquele furor adolescente que o canal já teve em outros tempos, para se concentrar numa faixa etária que beira os 30 anos. Ciro (João Vitor), o protagonista, tem 31. Passou dez anos casado, até ser dispensado pela mulher e perceber a gigantesca transformação operada nos comportamentos de paquera enquanto esteve “fora do mercado”. Parte disso se explica pela autoestima conquistada pela mulher, que já não vive à espera do príncipe encantado, e pelo surgimento dos aplicativos de encontros. Em uma das sequências, Ciro é alvo de chacota dos amigos – os “feras” do título -, por cometer a gentileza de telefonar para a garota com quem ficou na véspera. Isso não existe mais, tentam convencê-lo. Que juízo farão desse quase dinossauro? Em 13 episódios, “Feras” conta com verba de lei de incentivo aprovada pela Ancine, com valor total de R$ 4.102.556,39. A estreia está programada para novembro Vice-presidente Sênior da MTV Latin America e Paramount Channel, Tiago Worcman se mostra animado com o êxito que o gênero conseguiu alcançar em uma grade de programação recheada de reality shows, videoclipes e afins. “Perrengue”, a primeira série de ficção do canal, foi ao ar no ano passado e conquistou, segundo ele, uma audiência 60% acima da média do canal. Até por isso, uma segunda temporada já está a caminho, para 2019. Tanto “Perrengue” como “Feras” chegaram às mãos de Tiago logo que ele assumiu a MTV no Brasil, há cinco anos. Mas fazer ficção requer um prazo de maturação, inclusive em função dos trâmites a serem cumpridos para se obter aprovação da Ancine e se enquadrar nas exigências da legislação que permite ao canal trocar o pagamento de impostos devidos como empresa estrangeira por produção audiovisual realizada no Brasil. Agora, com dois títulos em andamento, a ideia é manter um ritmo de produção que assegure vaga permanente ao gênero, com obras nacionais, na programação. Worcman chama ainda atenção para o fato de “Perrengue” ser um enredo carioca, bastante solar, enquanto “Feras” se debruça sobre a Pauliceia no que ela tem de mais animado – a noite. “Acho que é um bom equilíbrio”, diz o executivo. Na era da MTV Brasil como canal aberto, série de ficção também era produto fora da curva, mas em seu ano derradeiro, foi ao ar a premiada “A Menina sem Qualidades”, com Bianca Comparato e direção de Felipe Hirsh.
  7. O L

    Abertura Z4

    Essa foi uma chamada que passou no Disney Channel, nem é a abertura.


×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.