Jump to content


Pedro M.

Membro
  • Content Count

    251
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    63 [ Donate ]

Posts posted by Pedro M.


  1. DIA DE NATAL COM CINEMA FOI O MAIS VISTO DO ANO PARA A SIC

    Ao longo do dia de Natal, a média de espectadores por minuto a ver a SIC foi de 536,3 mil. Em 2019 não houve nenhum canal a juntar tantos espectadores num dia só.

    Neste dia festivo, com muita gente em casa ao longo do dia, horários que habitualmente não são de audiência tão elevada acabam por ganhar maior peso, o que gera um aumento global do número de espectadores. A audiência média por minuto no total dia da televisão portuguesa subiu mais de 400 mil espectadores face aos valores habituais; no horário da tarde (15h-18h) houve mais 1,2 milhões de pessoas a ver televisão do que é costume.

    Quem mais tirou dividendos deste aumento foi a SIC, que com a aposta em cinema ganhou 163 mil espectadores face a uma quarta-feira normal, e os Canais Cabo, que em conjunto tiveram mais 124,8 mil espectadores por minuto do que tiveram na média de todas as quartas-feiras de 2019. É assinalável que a estação de Paço de Arcos, sozinha, consiga ganhar mais espectadores que todos os canais da televisão paga somados.

    Ferdinando e Sozinho em Casa lideram o dia

    Os dois filmes mais vistos do dia, Ferdinando e Sozinho em Casa, superam a barra do milhão de espectadores. A animação, transmitida em horário nobre, registou 12,2% de audiência média e 24,6% de share, enquanto o clássico de 1990 chegou a 11,2% de audiência média e 32,1% de share, mostrando que 29 anos depois da estreia continua longe de dar sinais de desgaste e garantindo a quota de mercado mais elevada entre os filmes transmitidos na rubrica Natal Sempre Encantado.

    O Grande Showman (8,9% / 21%) foi uma aposta em cinema menos bem-sucedida e perdeu a liderança quando entrou no ar O Preço Certo (9,9% / 22,7%). O concurso foi o programa mais visto do dia na RTP1 e ocupou o terceiro lugar na tabela do dia.

    Com as mudanças no consumo televisivo, o Primeiro Jornal (9,6% / 32,2%) foi mais visto que o Jornal da Noite (9,3% / 20,1%), com ambos os noticiários da SIC a manterem a liderança nos horários de exibição.

    A SIC liderou com 22,8% de share, ficando a RTP1 em segundo, com 14,3%. A TVI ficou-se pelos 12%. A RTP2 não foi além de 0,9% de quota de mercado, ficando abaixo da marca de 1% de share pelo segundo dia consecutivo, depois de na véspera de Natal se ter quedado pelos 0,8%.

    Outros destaques

    • Cantar!, filme da Disney transmitido pela SIC logo a seguir à hora de almoço, também liderou tranquilamente, com 8,9% de audiência média e 30,3% de share. À mesma hora, Os Salteadores da Arca Perdida não iam além de 3,7% de audiência média e 12,5% de share na TVI.
    • A Mensagem de Natal do Primeiro-Ministro, transmitida pela RTP1, foi vista por 700 mil espectadores: 7,4% de audiência média e 15,2% de share.
    • Com pouco a dizer na disputa pela liderança, o Especial Natal do The Voice Portugal (7,8% / 17,6%) bateu tranquilamente a emissão de Natal de A Tua Cara Não Me É Estranha (5,7% / 14,6%) programada pela TVI.
    • O Amigo Gigante (4,9% / 15,2%), transmitido pela SIC em horário nobre, abriu espaço para as apostas da concorrência e foi dos poucos programas da estação a não liderar no dia de Natal.
    • Nos canais de notícias também houve recordes. O Bom Dia Portugal foi transmitido em exclusivo na RTP3 e marcou 0,7% de audiência média e 7,8% de share, na SIC Notícias foi o Jornal das 12 a bater máximo anual, com 1,5% de audiência média e 5,2% de share.

    https://espalhafactos.com/2019/12/26/dia-de-natal-com-cinema-foi-o-mais-visto-do-ano-para-a-sic/


  2. Gente, notícia toda errada. Quem escreveu isso não percebe nada de TV portuguesa. 

    Primeiro, Na Corda Bamba é o maior flop português da década. 

    E depois, A Dona do Pedaço é sucesso sim. Ainda na sexta marcou o triplo da concorrência. Simplesmente A Dona é transmitida muito tarde, e por isso costuma fazer menos que Avenida, que está num horário que tem muito público, principalmente agora no inverno. 

     

    • Like 9

  3. ‘PRÉMIO DE SONHO’ LIDERA NO DIA DA ESTREIA DE ‘VER P’RA CRER’

    A estreia de Ver P’ra Crer não tirou a TVI do terceiro lugar no acesso ao horário nobre, mas pode ter contribuído para roubar público a O Preço Certo, que cedeu a liderança a Prémio de Sonho esta quarta-feira (9).

    O formato apresentado por Fernando Mendes, que conquistou 8,4% de rating e 21,9% de share na terça-feira, recuou para 7,6% de rating e 18,9% de share na quarta. A TVI, que não tinha ido além de 3,6% de audiência média e 9,1% de share com O Resto É Conversa, viu os resultados subirem para 4,7% de audiência média e 12% de share na estreia do concurso Ver P’ra Crer.

    Cristina Ferreira, por seu lado, obteve o melhor resultado desde a estreia de Prémio de Sonho, com uma audiência média de 8,2% e 20% de share. Esta edição do programa foi um especial com o elenco da telenovela Nazaré.

    Outros destaques

    • Dia de máximos para as novelas da SIC: Avenida Brasil (6,5% / 22,5%) bateu novos recordes de audiência e share, Alma e Coração (10% / 27,6%) e Dona do Pedaço (5,7% / 27,3%) registaram máximos de quota de mercado.
    • A versão internacional de Casados À Primeira Vista teve duas emissões na SIC Mulher, sempre com mais de 100 mil espectadores: 1,2% de audiência média e, respetivamente, 2,6% e 2,4% de share.
    • Golpe de Sorte (14,5% / 29,8%) e Nazaré (14,2% / 27,1%) voltaram a liderar na tabela dos programas mais vistos, superando largamente Na Corda Bamba (7,6% / 15%) e Joker (7,5% / 14,5%), que ficaram muito próximos.

    https://espalhafactos.com/2019/10/10/premio-de-sonho-lidera-no-dia-da-estreia-de-ver-pra-crer/


  4. É que a Maria da Paz tinha todo o passado de fazer bolos e vender na rua. E ela sempre pos a mão na massa, nunca teve vergonha de onde vem. 

    A Jô neste caso é apenas uma administradora. 


  5. A Britney também já sofreu preconceito numa casa de banho. 

    O Walcyr às vezes escorrega nestes temas, mas aqui eu não vejo desserviço nenhum. A família aceitou-a, ela é formada e bem sucedida profissionalmente. Tem medo de se assumir perante o Amaro porque tem medo da rejeição. Nem todas as personagens trans têm de sofrer horrores. Abordagens mais leves são super dignas também. 

    Não vejo nada de errado. 

    • Like 1


×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.