Jump to content


Tatuapú

Membro
  • Content Count

    1,084
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    188 [ Donate ]

Community Reputation

482 Bom

2 Followers

About Tatuapú

  • Rank
    Novato

Recent Profile Visitors

1,325 profile views
  1. Talvez não seja o seu estilo, mas você não pode classificá-las de acordo com os seus gostos apenas. Aliás, provavelmente nunca nem as viu, ou seja, classifica-as com um véu de ignorância. Carlos Lombardi é um dos autores mais inteligentes do Brasil: sabe entreter massas e aprofundar assuntos mais complexos.
  2. Uga Uga e Kubanacan foram boas novelas sim. Apesar de alguns erros de narrativa, têm histórias originais com personagens carismáticos, excelentes momentos cômicos e dramáticos, excecionais pares românticos e muito ritmo no desenvolvimento, além de extraordinárias críticas sociais. São mal vistas por fugirem do comum e explorarem o erotismo (não deixando para trás uma trama e diálogos inteligentes), porém, se você as vir sem quaisquer preconceitos, vai perceber as suas qualidades e a maestria com que cumpre a função de entretenimento.
  3. Uga Uga foi uma das novelas mais repercutidas das 19h e do seu ano.
  4. Mas veja bem: a novela começa com os mesmos plots em que acaba. Começa com a cidade acreditando que Roque fez um milagre e Porcina é a sua melhor e acaba com o povo acreditando também (com a diferença que o Roque está na cidade). Começa com a Porcina e o Sinhozinho juntos e termina com eles juntos também. Começa com os cineastas tentando fazer o filme sobre o Roque e termina com os cineastas ainda tentado realizá-lo. Só os finais da Mocinha e da personagem da Cassia Kiss é que fazem um desvio de rumo. Isso me dá uma sensação de uma novela parada e aborrecida em que nada aconteceu. Eu gosto de grandes plot-twists, do estilo que a mocinha começa pobre no início e termina milionária.
  5. Eu adorava a Porcina e a Mocinha (torcia muito pelo Roque e Mocinha), o resto me passou ao lado. Talvez não seja uma novela feita para mim. Nunca achei o Aguinaldo um autor cativante ou profundo: faz boas cenas de humor, mas o resto não se desenvolve. Todavia, adoro a sinopse, acho revolucionária e completamente diferente do que se fazia antes. Para mim é uma sinopse maior do que a própria novela, que não a soube desenvolver.
  6. Eu vi grande parte da novela, mas achei datada também. É aquela novela que não sai do lugar, começa e acaba na mesma situação. O Roque é muito apagado. A Porcina é uma ótima personagem, mas a história é pouco profunda. O único capítulo realmente bom é o da volta do Roque e da reunião das personagens acerca dele. Nunca fui fã de novelas antigas, mas essa achei muito parada e rasa. Sinceramente penso que seja uma novela que resultou devido a todos os fatores em volta: a época, a situação política, a narrativa comum das novelas,... hoje em dia não teria todo este sucesso, não é atemporal.
  7. Não sei, nunca vi. Mas o principal problema vem do roteiro, visto as expressões e modo de falar serem todas abrasileiradas. E duvido que o Walcyr tenha fugido desse padrão. Que humilhante para os brasileiros fazer novelas exaltando a cultura portuguesa
  8. É o que nós sentimos ao ver os brasileiros a fazerem de portugueses nas novelas da Globo É muito doloroso de tão mau
  9. A novela é passada em parte no Brasil e tem imensos atores brasileiros (como a Silvia Pfeifer, Zezé Motta e Bruno Cabrerizzo). Acredito que possa ter algum destaque por ser uma história mais próxima culturalmente do Brasil e pelo formato de novela de Portugal ser muito parecido ao do Brasil. Foi um sucesso relativo em Portugal, nunca vi muito da novela e em termos de produção a SIC sempre foi melhor do que a TVI, só que esta história não é muito extensa em termos de capítulos. E ganhou o Emmy Internacional em 2018. Eis o trailer:
  10. Que notícia boa. Ela arrasou em As Filhas da Mãe com uma personagem muito boa.
  11. Fernanda Nobre e a Rafaela Mandelli mereciam mais destaque, são excelentes atrizes. Esta última até foi protagonista de uma série da HBO de sucesso internacional. Pouco compreensível.
  12. É igual ao Brasil, só que em vez de serem pequenos intervalos entre os programas, são inteiros depois dos programas acabarem. Sempre foi o método da TV portuguesa e sempre foi o que resultou melhor. Comerciais entre os programas é que provavelmente seriam alvo de reclamações.
  13. Não. Embora algumas sejam extraordinárias, nunca vingaram a nível de audiências. Só mesmo Bem Vindos a Beirais que foi um sucesso relativo, mas era um estilo de série diferente e mais longo.


×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.

×