Jump to content
×
×
  • Create New...


Kalel Band

Membro
  • Content Count

    4,904
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    1,327 [ Donate ]

Community Reputation

1,014 Muito Bom

2 Followers

About Kalel Band

  • Rank
    Kalel Biel
  • Birthday 03/29/1974

Recent Profile Visitors

2,872 profile views
  1. No remake o enredo principal é desvistuardo. Não há a menor tensão em descobrir que Paulina está ocupando o lugar de Paola. Pelo contrário, Paola tenta assassinar Paulina pra abdicar de vez o papel de primeira dama do México. No mais a novela vira uma espécie de série policial, nada a ver com com a versão dos anos 90. E nem piegas é. Os fãs da original não conseguem nem reconhecer.
  2. Vishheee!!! Na Bíblia e no Novo Testamento ainda por cima, enteado ter caso com madrasta é abominável!!! Tem razão do pai não ter gostado. Ainda por cima ela era uma bruaca! Engraçado que com o pai do garoto só tinha filhos adotivos. Dá se entender que o pai era estéril. Ela então mirou no menino. Mas é como está na Bíblia, é repugnante que um filho tenha como esposa a mulher do seu próprio pai!! O mais errado na história é esse menino!
  3. Quando desvirtua demais a história e bota outros temas perde a "graça". Vide o remake de La Usurpadora, que mesmo sendo muito bem feito, não tem o feeling da versão dos anos 90, justamente por ser moderninha demais!
  4. Em La Intrusa uma das irmãs morre no decorrer da trama também. Cauã Spanic! O novo Usurpador!
  5. Gente mas essa cena tem um certo duplo sentido. Se os meninos ficavam com essa liberdade toda comparando quem tinha mais cabelo nessas partes, imagina nas outras!!! Eu heiiinnn...
  6. A verdade é que eles eram bem zoados na época, só que davam muita repercussão!! Kauê tinha um jeitão nerd. Eu gostava. Ele virou um ogro nerd agora. Tinha a Professora Ítala também! Era o auge da nerdice brega!! Todo mundo falando mal e assistindo!! Missão completa com sucesso!
  7. Engraçado como esses ex apresentadores do Bom Dia e Cia causam!! Já os da TV Globinho sei é nome de nenhum e não vejo ninguém nem falar neles.....
  8. Triunfo eu não consigo assistir pois já não entendo como a Ruffo consegue chorar tanto e o resto do sofrimento em toda a novela. Tem clima de velório. Agora o Padre me deixa sem fôlego! Que homem tão lindo é aquele?? Misericórdia!!! Quando me apaixono simplesmente não me cativou. Mas os fãs das mexicanas dizem que é ótima!!!
  9. Ué, mas tem gente que assiste a Globo por achar coisa de rico. Nas regionais a Globo acerta em cheio na cenografia e figurino, Tiêta é um exemplo. Tem um Manual na Globo dizendo que não pode ter certos itens, como por exemplo, pinguim em geladeira etc..... Para fins de padronização e não parecerem brega. Mas fica artificial e não condizente com a realidade.
  10. Não dear, não é isso pode ser simples e arrumadinhas. Nas mexicanas as casas de pobres não são fedida nem desarrumada, mas pela cenografia se percebe o abismo entre as mansões dos ricos. Na Globo a impressão que se tem é que todo mundo é classe média. Padronizado demais. Artificial.
  11. Fofa, os ricos do Leblon na Globo usam jeans em reuniões de empresa. Os pobres as casas são bem arrumadinhas. Não há vestígio de religiosidade também. Ninguém nem é católico, nem Protestante. É um Brasil do multi verso.
  12. Ué, isso se aplica igualmente ou até em pior escala na Globo. Os brasileiros vivem praticamente em outro planeta. Não existe diferença de classes, pobre e rico é tudo igual. Coisa que nas mexicanas é bem nítida a diferença entre os núcleos ricos e pobres!!! E os fãs das mexicanas gostam delas justamente por esses "defeitos". Valhaaaaaa!!!!
  13. Ué, isso se aplica igualmente ou até em pior escala na Globo. Os brasileiros vivem praticamente em outro planeta. Não existe diferença de classes, pobre e rico é tudo igual. Coisa que nas mexicanas é bem nítida a diferença entre os núcleos ricos e pobres!!! E os fãs das mexicanas gostam delas justamente por esses "defeitos". Valhaaaaaa!!!!
  14. Zion, na Bíblia na verdade é Sião que é a mulher ou povo de Deus que ele tem uma relação matrimonial em sentido espiritual. Nada a ver a inserção desse personagem. Zion é uma mulher em sentido simbólico, ou de metáfora. Mas a maioria do público não vai perceber é nada.
  15. Fofa, mas isso é justamente o inverso de xenofobia. México dando oportunidade a estrangeiros, ou com descendência estrangeira.No mais a questão de maquiagem é cultural como outro user pontuou.E mulheres gostam dessas maquiagens desde os tempos da bíblia!! Basta ver as bíblicas da Record!

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.