Jump to content
📢 Compra de Pontos e Assinatura agora são via Mercado Pago ×


Globo perde Ibope e streaming já lidera no domingo

Recommended Posts

1 minuto atrás, Vitorgrs disse:

Tem conteuo melhor não kkkkk. É uma boa opção por ser gratuito, mas ser melhor é exagero. E sim, Warner vai lançar final deste ano um serviço do tipo. Deve ir bem agora com os conteúdos Discovery.

 

Inclusive, é o que o Globoplay deveria ter né? Deveria ter uma opção gratuita, ou bem mais barata, com anuncios. 

Mas ele tem. Tem um monte de conteúdo liberado de graça como as Malhações e seriados de humor. Já sobre o PlutoTV, quem é Elite perto de ICarly kkkkk. Acho que o conteúdo do Discovery é o mais certeiro para Streaming. E o que faz a Globoplay não ser um Playplus da vida são as novelas antigas. Algo que nenhum outro streaming vai ter por aqui.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

8 horas atrás, alberts disse:

Pessoal é Globoplay para lá, Globoplay para lá. Eu não sei em que mundo esse povo vive pra ter coragem de dizer que as pessoas já abandonaram a TV aberta e só assistem ao Globoplay. 

 

O Brasil não se resume às regiões metropolitanas de SP e RJ, tampouco aos grandes centros urbanos.

 

A tv aberta ainda é a forma de entretenimento/informação mais acessível. Tem muita cidade que nem rádio mais tem. E streaming precisa de internet ainda, que é um gasto mensal. 

 

Por mais problemática que seja, a TV aberta ainda deve reinar com folga por mais uns 20, 30 anos ou ate mais, do jeito que as desigualdades do nosso país ainda perdurarão por muito tempo. 

 

Tudo bem que SP e RJ são os centros que importam para o mercado, mas a realidade do Brasil tá bem longe ainda de Globoplay ser o produto mais consumido. 

 

 

Aí você esbarra no problema do sinal analógico sendo desligado e muitos lugares não terem condições de oferecer sinal digital ainda. 
 

A cidade onde meus pais moram sofre isso. Resultado: eles assistem à Globo ao vivo pelo GloboPlay. Pq o sinal digital da globo, que em tese já chegou lá, ainda não funciona direito.
 

E cabe justamente à internet trazer esse sinal, em virtude da estrutura ruim de telecomunicações do nosso país. 
 

Inclusive, foi com esse discurso que a Globo expandiu o sinal ao vivo do GloboPlay ano passado, usando a copa como justificativa. 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Agora uma coisa que eu tava observado aqui: nessa de TV aberta x streaming, a Globo acaba competindo com ela mesma, né? 
 

Essa liderança do streaming no domingo tem o GloboPlay junto nessa fatia. 

Link to comment
Share on other sites

4 minutos atrás, Pulp disse:

Agora uma coisa que eu tava observado aqui: nessa de TV aberta x streaming, a Globo acaba competindo com ela mesma, né? 
 

Essa liderança do streaming no domingo tem o GloboPlay junto nessa fatia. 

tem mas é bem pouco. a Globo quer estar em todos os lugares pq ela meio que lidera a tv paga e tem uma participação no streaming tb. isso é bom pra ela na hora de vender patrocinios. fora a presenca na Globo.com e gshow. 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, Fadokimi disse:

Mas ele tem. Tem um monte de conteúdo liberado de graça como as Malhações e seriados de humor. Já sobre o PlutoTV, quem é Elite perto de ICarly kkkkk. Acho que o conteúdo do Discovery é o mais certeiro para Streaming. E o que faz a Globoplay não ser um Playplus da vida são as novelas antigas. Algo que nenhum outro streaming vai ter por aqui.

Os conteúdos liberados são totalmente who. Este ano finalmente resolveram liberar o BBB.

Mas as novelas deveriam ser liberadas também. É este o modelo que Discovery+, HBO Max, Netflix, Disney, Hulu, todos seguem ou vão seguir.

 

Sobre Pluto e Netflix... Netflix é muito mais que isso né kkkk. Elite é trash, mas não tem só Elite no Netflix. Eu sou critico das produções lá, mas vi estes dias Wandinha e é OK. Agora to vendo a segunda temporada de Ginny e Georgia. também legalzinha. Pluto só tem coisa antiga ou coisa esquecida em geral...

Link to comment
Share on other sites

tv aberta: a Globo sempre foi líder com facilidade por ter muito mais estrutura e capital que as outras emissoras, e isso nunca vai mudar.

 

streaming: a briga é com gigantes e a Netflix ainda tem a vantagem de já estar no mercado nacional há muito mais tempo e, até hoje, quando se pensa em streaming, o primeiro nome que vem à mente da maioria é a Netflix.

 

tv a cabo: mesmo também disputando com canais de gigantes como Disney, Warner, Universal, a Globo domina quase todo o top 10, por já estar presente com seus canais há décadas e com isso consolidou o seu público. 

 

Se a Globo fosse líder no mercado de streaming no Brasil, essa perda de audiência da tv aberta seria bem menos preocupante, assim como ocorreu quando houve uma ascensão da tv a cabo no país. Mas pelo menos ela está fazendo a parte dela, embora eu acho que o Globoplay nunca será líder no streaming.

Link to comment
Share on other sites

22 horas atrás, Kax disse:

E esses 10 pontos do streaming, acho que uns 7 são da Netflix, 1 do Globoplay, quase 1 do Prime Video e o que resta vão para outros players.
Não sei se vocês viram, mas saiu mais uma análise do Kantar Ibope sobre essa fatia de audiência e, obviamente, Youtube e Netflix com as maiores porcentagens tirando a TV Linear da contagem.

spacer.png

Site https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n201358/netflix-streamings-perdem-tv-aberta-audiencia-br.html

youtube nem deveria ser considerado streaming na minha opinião os caras não produzem um centavo de conteudo proprio é tudo conteudo produzido com dinheiro do povo ou seja o custo do youtube é muito menor que uma netflix por exemplo que produz centenas de series e filmes caros eu considero youtube uma rede social em que o publico posta seu conteudo produzido com dinheiro deles mesmos tipo um instagram facebook e etc

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

20 horas atrás, J__ disse:

Esse streaming medido pelo ibope tem youtube.. quem olha ate pensa que eh tudo Netflix... :gret29:

assim fica facil ultrapassar a tv aberta o youtube não produz um centavo de conteudo proprio é tudo conteudo produzido pelo povo com dinheiro do povo e é 100 por cento gratuito netflix sim produz conteudo proprio gastando milhões por ano

Link to comment
Share on other sites

15 horas atrás, Fadokimi disse:

ESPN por mais que tenha N eventos esportivos, fica o dia todo falando praticamente dos 4 de SP e do RIo.

 

Sim, mas aí é uma questão editorial. A ESPN pelo menos tem eventos suficientes pra ter seus 4 canais „reais“. Tem outros 2 (ESPN Extra e Fox Sports 2) que são só VT e estão no ar devido a contratos legados com operadoras mas vão ser descontinuados em algum momento.

 

Já o SporTV não tem a menor necessidade de ter mais que 2 canais atualmente a não ser que a Globo esteja preparando uma mega investida na aquisição de vários direitos, o que não é muito provável…

Link to comment
Share on other sites

24 minutos atrás, HenriqueKe disse:

 

Sim, mas aí é uma questão editorial. A ESPN pelo menos tem eventos suficientes pra ter seus 4 canais „reais“. Tem outros 2 (ESPN Extra e Fox Sports 2) que são só VT e estão no ar devido a contratos legados com operadoras mas vão ser descontinuados em algum momento.

 

Já o SporTV não tem a menor necessidade de ter mais que 2 canais atualmente a não ser que a Globo esteja preparando uma mega investida na aquisição de vários direitos, o que não é muito provável…

Mas por exatamente ter mais eventos, que a ESPN não pode ser altamente dependente só de debate esportivo e por sinal desinteressante. SporTV vai tentar manter os evetos que já tem, que são poucos e levar a vida. Porque não tem mais condição financeira de disputar uma Libertadores da vida.

Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, Fadokimi disse:

Mas por exatamente ter mais eventos, que a ESPN não pode ser altamente dependente só de debate esportivo e por sinal desinteressante. SporTV vai tentar manter os evetos que já tem, que são poucos e levar a vida. Porque não tem mais condição financeira de disputar uma Libertadores da vida.

 

A questão é que assim como o SporTV a ESPN reservou seu canal principal apenas para futebol. E quando não tem transmissão, é obrigatório na filosofia atual deles ficar ao vivo o dia todo e aí tem que ser com jornalismo e debates. Isso virou padrão por aqui desde que a Fox Sports trouxe esse formato quando estreou.

Link to comment
Share on other sites

16 minutos atrás, HenriqueKe disse:

 

A questão é que assim como o SporTV a ESPN reservou seu canal principal apenas para futebol. E quando não tem transmissão, é obrigatório na filosofia atual deles ficar ao vivo o dia todo e aí tem que ser com jornalismo e debates. Isso virou padrão por aqui desde que a Fox Sports trouxe esse formato quando estreou.

Acaba ficando bem ruim, ainda mais que a ESPN é super engessada e monótona. Parece que é o mesmo programa o dia todo.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Em 24/01/2023 at 11:57, LucasPG disse:

O maior erro da TV brasileira foi demorar muito a perceber os ventos contrários (se é que já perceberam, aliás). A audiência do horário nobre, durante a semana, e dos fins de semana será cada vez mais diluída entre outras plataformas. Esses são os momentos em que as pessoas assistem filmes, séries, documentais e até realities, sem nenhum apreço ao linear.

 

A mudança do perfil de consumo é "imparável", obviamente, mas o perfil do mercado brasileiro dificulta ainda mais as coisas. Em nenhum momento, nos últimos 5 anos, nenhum canal, por exemplo, se movimentou para popularizar outras competições esportivas na TV brasileira, além do futebol. Aliás, nem os canais e nem as federações esportivas, cuja falta de visão para o "espetáculo televisivo" é quase um atestado de óbito nesses novos tempos. 

 

O mercado audiovisual, no resto do mundo, está trabalhando ativamente para tornar competições esportivas nas grandes "novelas" desses novos tempos, transformando atletas em personagens, com perfis elaborados, e muito marketing, para aumentar o consumo de esportes ao vivo. Nada disso é feito no Brasil. A SuperLiga de Vôlei é um dos mais terríveis casos de como a TV brasileira não constrói narrativas para segurar, ao menos em parte, a queda do linear. 

 

Estamos presos na década de 90 em termos de modelo de produção e distribuição, marketing e narrativas. E é isso. Vai com Deus, por burrice dos envolvidos.

Mas colega a superliga de vôlei não dá muita audiência, a Globo já obra milagres botándo a final domingo e picando no máximo 10 pontos. A Band já tentou. A Rede TV já tentou e ambas não saíram do 1 ponto. O Brasil é país de um esporte só. 

Concordo que é uma campeonato que precisa de um trabalho de imagem mas dificilmente isso se converteria em audiência na tv aberta. 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share



 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.