Jump to content
📢 Compra de Pontos e Assinatura agora são via Mercado Pago ×


Globo perde Ibope e streaming já lidera no domingo

Recommended Posts

Pessoal é Globoplay para lá, Globoplay para lá. Eu não sei em que mundo esse povo vive pra ter coragem de dizer que as pessoas já abandonaram a TV aberta e só assistem ao Globoplay. 

 

O Brasil não se resume às regiões metropolitanas de SP e RJ, tampouco aos grandes centros urbanos.

 

A tv aberta ainda é a forma de entretenimento/informação mais acessível. Tem muita cidade que nem rádio mais tem. E streaming precisa de internet ainda, que é um gasto mensal. 

 

Por mais problemática que seja, a TV aberta ainda deve reinar com folga por mais uns 20, 30 anos ou ate mais, do jeito que as desigualdades do nosso país ainda perdurarão por muito tempo. 

 

Tudo bem que SP e RJ são os centros que importam para o mercado, mas a realidade do Brasil tá bem longe ainda de Globoplay ser o produto mais consumido. 

 

 

  • Like 8
Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, alberts disse:

Pessoal é Globoplay para lá, Globoplay para lá. Eu não sei em que mundo esse povo vive pra ter coragem de dizer que as pessoas já abandonaram a TV aberta e só assistem ao Globoplay. 

 

O Brasil não se resume às regiões metropolitanas de SP e RJ, tampouco aos grandes centros urbanos.

 

A tv aberta ainda é a forma de entretenimento/informação mais acessível. Tem muita cidade que nem rádio mais tem. E streaming precisa de internet ainda, que é um gasto mensal. 

 

Por mais problemática que seja, a TV aberta ainda deve reinar com folga por mais uns 20, 30 anos ou ate mais, do jeito que as desigualdades do nosso país ainda perdurarão por muito tempo. 

 

Tudo bem que SP e RJ são os centros que importam para o mercado, mas a realidade do Brasil tá bem longe ainda de Globoplay ser o produto mais consumido. 

 

 

A TV aberta não vai acabar, de fato, mas o que você falou não faz sentido. O mercado publicitário, que sustenta a TV aberta, não se importa com as desigualdades ou ausência de infraestrutura em pequenos lugares. Se a Globo tiver 100 milhões de espectadores a noite, das classes D e E, o mercado não vai se importar. Não é assim que funciona. Eles não vão pagar uma cota publicitária para um público que não vai comprar o produto anunciado. 

  • Like 5
  • Nossa, uau... 1
Link to comment
Share on other sites

7 horas atrás, Kax disse:

E esses 10 pontos do streaming, acho que uns 7 são da Netflix, 1 do Globoplay, quase 1 do Prime Video e o que resta vão para outros players.
Não sei se vocês viram, mas saiu mais uma análise do Kantar Ibope sobre essa fatia de audiência e, obviamente, Youtube e Netflix com as maiores porcentagens tirando a TV Linear da contagem.

spacer.png

Site https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n201358/netflix-streamings-perdem-tv-aberta-audiencia-br.html

HBO Max e Disney+ ignoradas pelos brasileiros :lendo:

Link to comment
Share on other sites

46 minutos atrás, LucasPG disse:

A TV aberta não vai acabar, de fato, mas o que você falou não faz sentido. O mercado publicitário, que sustenta a TV aberta, não se importa com as desigualdades ou ausência de infraestrutura em pequenos lugares. Se a Globo tiver 100 milhões de espectadores a noite, das classes D e E, o mercado não vai se importar. Não é assim que funciona. Eles não vão pagar uma cota publicitária para um público que não vai comprar o produto anunciado. 

 

Eu não quis fazer análise centrada em mercado publicitário, mas em opção de entretenimento mesmo. Telespectador que não é público-alvo é zero à esquerda quando o assunto é dinheiro. 

 

Eu só quis chamar atenção para o pessoal, da bolha do fórum mesmo, o qual acha que todo mundo é assinante Globoplay, que o Globoplay tem o mesmo alcance da TV aberta. 

 

 

Edited by alberts
Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, Revenge X disse:

fico feliz do público poder adquirir streaming, com os preços mais acessíveis de hoje em dia.

é colossal verificar o quanto a tv aberta brasileira é uma porcaria, inclusive a emissora líder.

 

streaming e alguns canais da tv cabo dão uma surra de conteúdo nas emissoras pequenas da tv aberta e um banho na emissora líder.

Netflix e Globoplay em breve vão proibir partilha de logins, Globo volta a soberania:clo1:

Link to comment
Share on other sites

8 horas atrás, Roitfeld disse:

A questão é quanto tempo a Globo vai conseguir manter tantos canais na tv paga? Ainda mais agora com os streamings tendo publicidade as verbas tende a sair da tv paga para eles. Não duvido q até 2030 a Globo já tenha encerrado boa parte dos canais pagos e fique apenas com os principais

 

Fazia tempo que não assistia mas nos ultimos dias fiquei espantado com a programação dos canais SporTV. O 3 virou um „Combate básico“. É praticamente so luta o dia todo, algumas de meses atrás. De vez em quando algumas corridas, também de meses atrás, dos poucos campeonatos automobilisticos que a Globo tem os direitos hoje. O 2 praticamente virou „Superliga TV“, VTs de volei o dia todo e de vez em quando alguma transmissão ao vivo (com a produção super porca e visual de 1995, como já disse o @LucasPG). O canal principal só fala de futebol há anos, mas está muito esvaziado com a perda de diversos direitos importantes, é só bate-papo o dia todo. De vez em nunca aparecem outros esportes do magérrimo cardápio da Globo atual, incluindo a NBA que veio de graça em uma parceria bancada pela Budweiser.

 

Não existe a menor justificativa pra 3 SporTV hj.

Edited by HenriqueKe
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

5 horas atrás, LucasPG disse:

Tem uma coisa muito falada aqui que é completamente falsa: o que se perde no linear NÃO se recupera no streaming! Há uma crise sem precedentes nos grandes grupos de mídia que apostaram que as perdas em publicidade da TV aberta e em assinantes/publicidade na TV paga seriam compensadas com assinaturas de streaming próprios e isso não aconteceu (e nem vai). Globoplay não vai salvar a Globo e as outras redes não serão salvas por investimentos em streaming. Na verdade, a tendência é que esses investimentos no DTC acelerem as perdas dos grupos de mídia, como ja estamos vendo a passos largos. Basicamente todos os executivos de mídia já falaram abertamente sobre isso nos últimos 6 meses. Os executivos de mídia brasileiros não falam nada porque as empresas não estão listadas na bolsa, sendo todas, basicamente, empresas familiares, e, por isso, não tem nenhuma transparência sobre a situação econômica.

 

Dito isso, a Globo vai se fuder com os investimentos no Globoplay. As outras já estão fudidas. Por incrível que pareça, a solução pra queda de faturamento na TV aberta passa pela própria TV aberta, já que a TV paga não é nem mais discutida em lugar nenhum do mundo. A questão é como tornar a TV aberta lucrativa, mantendo o público no linear o máximo possível. A resposta já existe, mas nenhum passo foi dado pra isso por nenhum grupo de mídia no Brasil. Como já disse, as federações esportivas estão inertes e os canais são incapazes de criar narrativas envolvendo essas federações. O jornalismo brasileiro também não entendeu seu lugar nesses novos tempos na TV aberta. As emissoras mal sabem captar recursos multiplataforma, insistindo que interatividade é colocar tweets do público na tela (a coisa mais sem noção já pensada, aliás!).

 

A F1 e o UFC deram um passo arriscado no país saindo da Globo mas acho que acertaram. Estão na TV aberta e no streaming. A audiência na TV aberta não é a mesma mas é boa para esportes de nicho e existe muito mais cuidado tanto em quantidade como em qualidade do que chega ao público brasileiro, o engajamento acaba sendo bem maior. E a F1 hj fatura mais no Brasil com revenue share com a Band + F1TV do que faturava vendendo direitos exclusivos pra Globo para ser maltratada pela emissora.

 

Os gringos viram o que os dirigentes nacionais não conseguem ver…

Edited by HenriqueKe
  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Há quase dez anos Paulo Henrique Amorim começou a dizer "A Netflix vai netflixar a Globo". Pena que não viveu pra ver mais um de seus acertos. (Não precisa alguém me citar pra dizer que a audiência do streaming não é toda da Netflix, é apenas o significado da frase do maior jornalista de todos os tempos)

Link to comment
Share on other sites

12 horas atrás, Pedro disse:

É uma pena que a grande maioria do conteúdo sendo consumido no streaming seja internacional. A Globo errou muito em negligenciar outros formatos por anos para dar prioridade a suas novelas formulaicas e repetitivas. O Brasil era pra ter sua Friends, sua Grey's Anatomy, essas séries que o público assiste à exaustão. Por isso que é tão importante o governo investir na cultura, e os eleitores de direita deveriam olhar pra cultura não como algo abstrato, mas sim como uma indústria mesmo, que gera empregos, forma profissionais e que no longo prazo leva a um cenário próspero sem necessidade de investimento público. Se a cota de produção nacional na TV paga tivesse sido imposta no começo dos anos 2000, hoje a situação seria bem diferente para o audiovisual brasileiro.

Um bom exemplo disso é a Coréia do Sul que hoje é um dos maiores exportadores culturais do mundo. Quem imaginaria que um país que costumava ser ofuscado pelo Japão e pela China hoje faz muita gente consumir suas séries e músicas? Enquanto isso o Brasil 100% estagnado nesse setor, nem o nosso futebol impressiona mais o mundo.

Link to comment
Share on other sites

Eu fico me perguntando se já não é reflexo do plano com anúncio do Netflix no valor de 18,90. 

Último trimestre de 2022, Netflix ganhou 7 milhões de novos assinantes, o que surpreendeu a todos. Vamos ver neste trimestre.

Em países de baixa renda, como Brasil, isso é importante.

 

Ademais, estes números do Ibope nem contam IPTV/pirataria. Que é gigante no Brasil. Bom lembrar isso também.

Edited by Vitorgrs
Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, HenriqueKe disse:

 

Fazia tempo que não assistia mas nos ultimos dias fiquei espantado com a programação dos canais SporTV. O 3 virou um „Combate básico“. É praticamente so luta o dia todo, algumas de meses atrás. De vez em quando algumas corridas, também de meses atrás, dos poucos campeonatos automobilisticos que a Globo tem os direitos hoje. O 2 praticamente virou „Superliga TV“, VTs de volei o dia todo e de vez em quando alguma transmissão ao vivo (com a produção super porca e visual de 1995, como já disse o @LucasPG). O canal principal só fala de futebol há anos, mas está muito esvaziado com a perda de diversos direitos importantes, é só bate-papo o dia todo. De vez em nunca aparecem outros esportes do magérrimo cardápio da Globo atual, incluindo a NBA que veio de graça em uma parceria bancada pela Budweiser.

 

Não existe a menor justificativa pra 3 SporTV hj.

ESPN por mais que tenha N eventos esportivos, fica o dia todo falando praticamente dos 4 de SP e do RIo.

 

17 minutos atrás, Vitorgrs disse:

Eu fico me perguntando se já não é reflexo do plano com anúncio do Netflix no valor de 18,90. 

Último trimestre de 2022, Netflix ganhou 7 milhões de novos assinantes, o que surpreendeu a todos. Vamos ver neste trimestre.

Em países de baixa renda, como Brasil, isso é importante.

 

Ademais, estes números do Ibope nem contam IPTV/pirataria. Que é gigante no Brasil. Bom lembrar isso também.

Acho que o Streaming que mais acertou foi o PlutoTV. Tem conteúdo melhor que a Netflix e é de graça. Warner e Discovery deveria lançar um HBO Max Light nessa forma com alguns conteúdos como Hanna Barbera, Cartoon Network antigo, séries medianas, Smallville e coisas por exemplo do TNT Sports e da CNN USA.

Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Fadokimi disse:

ESPN por mais que tenha N eventos esportivos, fica o dia todo falando praticamente dos 4 de SP e do RIo.

 

Acho que o Streaming que mais acertou foi o PlutoTV. Tem conteúdo melhor que a Netflix e é de graça. Warner e Discovery deveria lançar um HBO Max Light nessa forma com alguns conteúdos como Hanna Barbera, Cartoon Network antigo, séries medianas, Smallville e coisas por exemplo do TNT Sports e da CNN USA.

Tem conteuo melhor não kkkkk. É uma boa opção por ser gratuito, mas ser melhor é exagero. E sim, Warner vai lançar final deste ano um serviço do tipo. Deve ir bem agora com os conteúdos Discovery.

 

Inclusive, é o que o Globoplay deveria ter né? Deveria ter uma opção gratuita, ou bem mais barata, com anuncios. 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share



 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.