Jump to content


Esperssa

Membro
  • Posts

    2,491
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    3,083 [ Donate ]

3 Followers

About Esperssa

  • Birthday 10/08/1996

Recent Profile Visitors

947 profile views

Esperssa's Achievements

Rookie

Rookie (2/14)

  • First post
  • Reacting Well
  • Conversation Starter
  • Week One Done
  • One Month Later

Recent Badges

1.7k

Reputation

  1. Não consigo citar em pedaços por causa do celular. Mas eu falo do Xingu, os indigenas da região. Haddad teve 87% dos votos validos na região no 1% turno, sendo do partido que montou o projeto. https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/10/indios-do-xingu-veem-com-preocupacao-uma-possivel-vitoria-de-bolsonaro.shtml Eu concordo que a urbanização precoce de Altamira trouxe problemas de trafico de drogas e criminalidade, algo recorrente quando acontece urbanizações rápidas. Isso já era carta cantada faz anos. Mas isso é um fenomeno que é inevitavel se quiser trazer desenvolvimento pro Norte, a urbanização fará isso. O problema aí não é a usina que traz empregos, renda, desenvolvimento social, educação e saúde, é os problemas estruturais do país que não tem força pra lidar com crimnalidade e o sistema carcerário. No caso do documentario eu já vi. Eu sei que teve um impacto bem grande a questão do Xingu, mas mesmo assim a Norte Energia segue indenizando as populações. Falta mostrar o lado do desenvolvimento social pras comunidades indígenas. Como falei ali programas de combate a malária, criação de escolas, a Norte Energia vai instalar antenas de internet e TV nas comunidades. Pra ter ideia, antes eram 27 mil pessoas que moravam em palafitas em Belo Monte, sem nenhuma rede de esgoto, sujeita a ser vitimas de inundações, vivendo em meio a lixão a céu aberto que foram movimentadas para bairros com luz, agua encanada, esgoto etc. Sobre a seca do Rio, existe estudos (porém não comprovação tecnico cientifica vale ressaltar), eu acredito também que a usina prejudica isso, ela desvia o curso da água, PORÉM, dizer que toda seca se deve a usina é enveizado, porque basta olhar o país. O Brasil está com nível nos reservatórios abaixo do normal fazem 6 anos. Não é exclusividade de lá, isso tem muito a ver também com o aquecimento global que é um processo irreversível. Ainda agora tem algum desenvolvimento pra prover sustento as populações locais, sem ela estariam desassistidas. Eu nunca irei negar que a obra foi aprovada as pressas, que poderia ter havido maior preocupação principalmente com a urbanização precoce de Altamira, isso feito pelo poder público. É inegável, como falei a política do Lobão na época tinha interesse da obra andar rápido para tirar dinheiro e financiar campnhas políticas. Eu mesmo já cantei aqui no fórum em 2015 se procurar que Belo Monte iria atrasar por conta da corrupção, fui aluno de uma engenheira elétrica que trabalha na obra, o projeto foi moldado para passar mais rápido mesmo que fosse mais custoso (foi usado CA para fazer as linhas de transmissão de Belo Monte à Altamira, sendo que não fazia sentido, pq CC é mais em conta, intuito de sobrefaturar), ainda assim, hoje ela é essencial pro desenvolvimento da região Norte. Belo Monte está abastecendo capitais do Norte e é responsável por diminuir a conta de luz das pessoas dessas cidades. Falei ali em cima, não imagino quão pior teria sido o apagão no Amapá ano passado se não houvesse Belo Monte. De qualquer forma, o desenvolvimento social é comprovado pelo aumento do IDH da região. E imagine, eu não me senti ofendido. A gente sempre se respeitou, e por isso gosto do fórum, a maioria das pessoas mesmo com divergências se respeita. Eu só não acho que eu defender a usina HOJE tenha a ver com questão ambiental do Bolsonaro. Eu enxergo apenas que é melhor Belo Monte que 40 usinas térmicas com custo muito maior. O ideal seria o que você colocou: diversas usinas menores para transporte de energia local que uma só grande. São smart grids. É o futuro da elétrica e das redes de distribuição. O problema é que a viabilidade de aprovar diversas usinas menores é muito complexa. É o grande entrave das smart grids hoje em dia, o que leva a construção de grandes polos de energia via usinas termicas, hidreleticas etc. Fazer diversas redes de distribuição ainda mais numa região sem urbanização é bem complicado, nem aqui no Centro Sul que é urbanizado se consegue direito e ainda se opta por centralizar a produção energetica - falando do meu setor, Angra 3 está sendo construída próxima a Angra 2 e Angra 1 um dos motivos é esse, a rede de distribuição já montada. Pro país seria melhor a construção em pontos dispersos, mas né, fica dificil aprovar (até estão ja fazendo estudos no interior do nordeste). Isso sem falar na viabilidade política, porque aprovar grandes projetos tem retorno financeiro imediato maior para o governo (1 bilhão por exemplo de Belo Monte), enquanto smart grids é um projeto de futuro, demora mais para ter retorno (e governos trocam de 4 em 4 anos). No fim eu concordo com todos problemas que foram gerados, meu único porém é as críticas de ambientalistas ecossocialistas sobre a construção de hidreletricas no Norte do país, Belo Monte não foi a primeira. O custo do país de inseguranca energetica e acontecer coisas como vimos no Amapá ano passado ou em 2001 é muito alto. E os entraves pro desenvolvimento do Norte do país são altissimos, uma fonte de energia limpa, renovável, pouco intermitente deve ter incentivo. São poucos países que tem rios como o Brasil, e depender de óleo e gás cada vez mais é uma morte indireta já que são 20% dos responsaveis por cancer de pulmão e doenças respiratorias. E note que nem falei da Marina aqui, porque a própria Marina NÃO ERA CONTRA BELO MONTE em 2011. Citando uma entrevista da mesma pro O Globo na época: MARINA: Ela deve ser interrompida até que sejam respondidos todos os questionamentos sociais e ambientais. Depois que estiver pronto não tem como retroceder. Se tudo for resolvido, não tenho nada contra a realização da obra. Isso de fato foi o problema da obra. Mas não que a usina seja um erro, as licenças ambientais passaram por pressão, faltou pesquisa sobre o impacto. Mas hoje é uma obra importantíssima que desenvolve a região e o país. Agora não dá pra gente usar uma obra aprovada numa gestão Lobão pra tentar impedir qualquer usina hidreletrica de ser criada na região.
  2. Concordo que diversas comunidades indigenas foram atingidas pela obra, porém foram ressarcidas diversas vezes pela Norte Energia. São 6 bilhões de reais de investimento para obras educacionais, saúde e desenvolvimento da população local. "Para se ter uma ideia, antes do empreendimento, o percentual de famílias abaixo da linha de pobreza em Altamira, à época, era por volta de 25% (IBGE, Censo 2010). A população estava exposta a sucessivos surtos de doenças como a malária, que atingia milhares de pessoas por ano – um cenário modificado a partir da Programa de Ação para Controle da Malária (PACM), criado pela companhia em 2011, no âmbito do licenciamento ambiental de Belo Monte, e que chegou a uma redução de mais de 90% nos casos da doença." Em fevereiro desse ano foi assinado inclusive um termo com o Ibama para a Norte Energia e Belo Monte potencializarem as atividades da população indigena local. Se essa população odiasse tanto o PT e governo, porque o partido ganha todas eleições disparado na região? Existem centenas de projetos da empresa que levaram desenvolvimento social e economico. Realmente, mas aí responsabilizar uma obra de engenharia por um problema estrutural do país que é a situação carcerária é desonesto. De fato, Belo Monte trouxe uma urbanização rápida para Altamira que leva sim a criminalidade e todos os problemas do sistema carcerario consigo, mas não é parando todas obras do país que vai se resolver essas questões. Não foi a usina de Belo Monte que mandou ninguém pra cadeia. Isso eu concordo. A obra foi aprovada as pressas por interesses políticos do momento. Claro que os estudos delam remontam de 1970 ainda, mas a gestão Lobão no Ministerio de Minas e Energia tinha preocupação demasiada pra aprovar o projeto e tirar os frutos que ganharia da região. Mesmo assim, a obra da Usina de Belo Monte é importante para estabilidade energética do país, independente de como foi o projeto lá atrás, dizer que ela é um erro é deslegitimar 50 anos de estudos que já mostravam que era viavel e como é importante hoje, tendo sido aprovado as pressas ou não. O inchaço urbano era pedra cantada pq realmente era óbvio, mas trouxe desenvolvimento social na região, basta ver os indices de desenvolvimento humano. Foi caríssima mesmo, mas aí entra toda questão do país de 2015-2021 e a crise economica. Todas obras grandes no Brasil tiveram seus custos exarcebados por conta da crise econômica e lava-jato. E isso que a obra foi aprovada as pressas, se dependesse dos ambientalistas que chiaram Belo Monte estaria paralisada até agora, sem terminar e os custos quadriplicados. Basta ver o quanto aumentou o custo de obras que literalmente pararam como Angra 3. Ainda, pergunto, qual outra opção teríamos de investimento? Termica a gas tem custo de 16% maior pra implementar na base e o custo da energia por MWh produzido é 40% maior. Se esse dinheiro fosse aplicado pra construção de usinas a gás ou óleo teriamos pago mais provavelmente, uma conta de luz mais cara, menos segurança energetica e desenvolvimento pra região Norte. Desenvolvimento energetico e segurança da região? Que outras formas? Usinas térmicas a oleo e gás? Pq o Norte do país não tem direito como produzir por fontes renovaveis fora hidroelétrica (que tem em abundância). Ou então seguir deixando a região isolada e a população pagando 6x mais luz que o centro-sul. Eu concordo com isso de obras na Amazonia serem um pepino enorme e poderiam ter sido feitas melhor para evitar corrupção. O que eu discordo é dizer que Belo Monte é um erro. No fundo é um grande empreendimento estrategico do país, a maior usina hidreletrica 100% nacional, já que Itaipu é binacional. Aí você está sendo desonesto comigo Viz. Eu sempre critico o Bolsonaro e toda política ambiental do mesmo. O desmonte do MMA, financiamento ao desmatamento e garimpo eu sempre critiquei, a pecuaria e agronegócio também, aliás por isso não votei com a Marina em 2014 no segundo turno, justamente pelo Aecio estar com o Agronegocio como a Dilma. Esse é um dos motivos que sou vegano, sei que a agropecuaria e garimpo são os maiores responsaveis pelo desmatamento. A diferença é que a vertente de meu ambientalismo não é ecossocialismo, como você fala de Terraplanismo Econômico, eu falo de Terraplanismo Energético porque estudo isso. Sem investimento em usinas hidreletricas no Norte o Brasil ficará mais dependente de oleo e gas do que já é, que a longo prazo só gera cancer, doencas respiratorias, secas na amazonia e no país, custo maior na conta de luz, insegurança energetica e nos prejudicar no Acordo de Paris e discussões internacionais. Mas eu sempre apoiei o ambientalismo, só sou contra os devaneios de instituições como Greenpeace que são financiadas por lobby de industrias de gás e agropecuaria. Pra mim temos a maior sorte do mundo de ser um país que +de 60% da matriz eletrica é renovavel graças a hidreletricas e quero que continue assim, pena que está acontecendo o contrário atualmente.
  3. Exato amigo. O problema nem é estudo, esses são importantes pro entendimento, e sim como a imprensa lida com estudos preliminares pra gerar manchete e chamar atenção ao seu interesse. Já me irrita isso a muito tempo, ainda mais quando a gente trabalha só com analise de estudos na faculdade.
  4. Eu fico imaginando às vezes, o Amapá ano passado passou o caos pela falta de energia, pessoas passando fome, hospitais sem luz, pessoas sem água potável justamente por causa de primeiro, uma empresa privada corrupta e segundo, a falta de desenvolvimento energético do Norte. Agora imagina a situação do estado como teria sido se não houvesse altamira "perto" dali com Belo Monte, já que a usina abastece diretamente Macapá e Manaus. Ia demorar bem mais do que demorou pra retomar a situação. Mas tudo bem continuar havendo insegurança energética e contas de luz altissimas pra população do Norte... o que importa é os peixes do Xingu...
  5. Não mesmo. Belo Monte tem um papel importante pra manter estavel a matriz eletrica brasileira hoje. Não há outros substitutos possiveis no Brasil que produzam tanto de maneira limpa. A saida seria usinas termicas a oleo e gás que custariam muito dinheiro aos bolsos na conta de luz além de só aumentarem nossa dependência já alta dessas fontes. Mas a Miriam Leitão quando fala de politica energetica sempre tem a visão deturpada de ecosocialistas que ela vive conversando, tanto que na entrevista da Globo News com o Ricardo Galvão do INPE tomou uma invertida dele muito linda ao tentar colocar as usinas nucleares de Angra como não seguras, mostrando total falta de conhecimento de como elas operam e funcionam. Ela tem uma preferência sempre maior pro lado dos ecossocialistas que vivem numa utopia do que de dialogar com engenheiros e pesquisadores das obras que critica.
  6. Ai gente, desculpa, mas esses ambientalistas doentes que criticam Belo Monte a todo custo são gente que não tem nenhum entendimento macro da situação do Brasil. A Usina de Belo Monte tem uma capacidade instalada de 11 mil MW de energia limpa pro país, num momento que precisamos transicionar para uma economia livre de carbono. Toda obra vai ter um custo associado, tem que saber ponderar. Pra compensar isso são tipo 40/50 usinas termicas emitindo poluentes e matando indiretamente mais de centenas de pessoas por ano. Às vezes parece que os ambientalistas trabalham a favor das usinas a oleo, carvão e gás, pelo amor de Deus. Ah, mas o vídeo dos peixes sumindo no Xingu... Ok, eu vi, é triste, mas sério o que é mais relevante? Alcançar uma economia de emissão sem poluentes que vai ajudar o planeta a combater o aquecimento global, diminuir a incidencia de doenças respiratorias como câncer, dar mais peso pro Brasil como economia verde, ajudar a estabilidade da matriz elétrica do país que passa por momentos preocupantes com as secas que estão fazendo nós voltarmos as térmicas, desenvolver uma região do país sempre renegada e esquecida, ou os peixes do Rio do Xingu? Aí vai de vocês, pra mim a resposta é óbvia. A obra foi feita de forma a ser mais sustentável possível, concevida a fio d'agua, mas tem que aceitar que não existe nada 100% perfeito. Aliás, a própria população do Xingu não parece ter tanta mágoa do PT na região né, já que o partido vence as eleições lá todo ano. A Usina de Belo Monte trouxe desenvolvimento economico e social pra região, tudo tem um custo sim, mas o custo nesse caso nem foi tão horrível assim. Melhor uma Belo Monte que 50 térmicas. Ok, teve corrupção? Teve. Como toda obra no país né? Mas mesmo esse custo vai se pagar com o tempo, pq hidreletrica é uma fonte limpa e barata, diferente de óleo que estaria substituindo que é caro e assassino. O custo agora é alto, mas a longo prazo ele se paga. É complicado. Eu estudo esses assuntos todo dia. Qualquer grande obra de produção de energia tem seus pepinos, mas tem que levantar os pontos e ver o que mais vale a pena. É óbvio que esses ambientalistas de internet que nunca estudaram os custos de cada obra de engenharia vão chiar, eles acham que dá pra substituir uma hidreletrica por uma usina solar Quantos países do mundo sonhariam com a quantidade de rios que temos pra produzir energia limpa, e aqui tem gente que fica reclamando de hidroelétrica que fazem o Brasil ser um dos campeões mundial de energia limpa. É muito choro.
  7. Amigo, concordo que 60 milhões de vacinados é bastante, mas considerando 1,4 bilhão de pessoas não é nem 5% da população. Faz sentido disparar ainda.
  8. Pior que tem mesmo. Vi varios perfis "Juliolffo" no twitter, inclusive shippando os dois E varios atacando o posicionamento do ADM oficial da Juliette contra o homofobico racista.
  9. Comentarios como esse fizeram com que eu raspasse a cabeça por 15 anos. Coisa até pior, lembro que tinha surto de piolho na escola e as mães não deixavam as crianças chegar perto de mim por causa do meu cabelo crespo. O sentimento de repulsa que tenho desse homem é cada vez pior. Coitado do João, sei como é passar por isso. A Ivy foi atacada de tudo que é jeito ano passado falando bem menos, né?
  10. Esperssa

    tv paga Canal Viva

    Pois é. Será que a Bolsowiges vai cobrar o boy lixo dela por ser um pai ausente ou ela só faz escarcéu se for pra mandar no corpo da outra mulher quando ela cogita abortar?
  11. Esperssa

    tv paga Canal Viva

    Claudio tipico hetero boy branco escroto classe A. Pra um idiota rico é fácil pagar pensão, o difícil que é criar o filho que pos no mundo quer deixar a mãe fazer sozinha, e ainda acha que faz muito de dar dinheiro Pouco importa se o filho e a mãe vão ser prejudicados com o pai ausente.
  12. Pois é. Provavelmente é só flutuação estatistica. Foram 265 pessoas entrevistadas no Centro Oeste, considerando 7% da população, é uma quantidade baixa pra aferir comportamentos.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.