Jump to content
×
×
  • Create New...


pesquisa XP/IPESPE: Desidratação de Bolsonaro chega ao fim, por enquanto


Recommended Posts

Image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A tendência de alta da reprovação (ruim/péssimo) registrada no momento de 42 para 49 e depois 50% acabou e agora forma uma nova tendência de estabilização (mais para queda) de 50, 49 e 48% nas últimas 3 pesquisas, ao passo que a aprovação foi de 25, 26 e 28% também nas últimas três.

 

É, amigos... vamos ver se isso tem a ver com o auxílio emergencial ao longo dos próximos meses. 

 

Outro dado interessante é que 40% do país não se identifica com nenhuma das manifestações ocorridas (nem contra, nem a favor do governo). Achei um número bem expressivo, ante 33% que concorda com as manifestações contra o governo e 22% concorda com as manifestações em apoio ao governo.

 

Outros dados interessantes da pesquisa aqui: https://conteudos.xpi.com.br/politica/pesquisa-xp-junho-2020-interrupcao-na-tendencia-de-aumento-na-reprovacao-ao-presidente-jair-bolsonaro/

 

 

Link to post
Share on other sites


3 minutos atrás, Pedro Henrique disse:

44140178_1591977649660.png

Alguém sabe explicar essa língua?

Era a parte que mais queria ver

 

Pois é, dessa vez eles colocaram em códigos. Mas é pra ser tipo:

 

RENDA

 

Até 2 salários mínimos

2-5 salários

Acima de 5 salários

 

INSTRUÇÃO

 

Até Fundamental completo

Até Ensino Médio completo

Superior Completo+

 

Etc...

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
19 minutos atrás, Pedro Henrique disse:

44140178_1591977649660.png

Alguém sabe explicar essa língua?

Era a parte que mais queria ver

 

É pra ser isso aqui que calculei:

 

Por exemplo, por renda:

 

Até 2 salários mínimos - 78.000.000

Desses, 26% aprovam o governo, ou seja, 20.280.000 eleitores

 

De 2 a 5 salários mínimos - 48.000.000

Desses, 29% aprovam o governo, ou seja, 13.920.000 eleitores

 

Acima de 5 salários mínimos - 24.000.000

Desses, 32% aprovam o governo, ou seja, 7.680.000 eleitores

 

TOTAL - 41.880.000 aprovam o governo, do total de 150.000.000 eleitores atuais

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Halle disse:

 

É pra ser isso aqui que calculei:

 

Por exemplo, por renda:

 

Até 2 salários mínimos - 78.000.000

Desses, 26% aprovam o governo, ou seja, 20.280.000 eleitores

 

De 2 a 5 salários mínimos - 48.000.000

Desses, 29% aprovam o governo, ou seja, 13.920.000 eleitores

 

Acima de 5 salários mínimos - 24.000.000

Desses, 32% aprovam o governo, ou seja, 7.680.000 eleitores

 

TOTAL - 41.880.000 aprovam o governo, do total de 150.000.000 eleitores atuais

 

Ainda é um apoio muito alto :clo11:

 

Link to post
Share on other sites
10 minutos atrás, Joel Neto disse:

Acho que o Bolsonaro só vai desidratar mesmo quando acabarem as parcelas do auxílio emergencial e as pessoas começarem a sentir os reflexos econômicos da pandemia, como a falta de emprego.

 

Exatamente. Os mais pobres e a classe média baixa estão numa tendência de alta em apoio a ele

Já os mais ricos e a classe média/média alta estão em tendência de baixa no apoio a ele

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.






Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.