Jump to content
×
×
  • Create New...


PierreDumont

Membro
  • Content Count

    5,672
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    2,908 [ Donate ]

Community Reputation

2,350 Ótimo

About PierreDumont

  • Rank
    Intermediário
  • Birthday 12/20/1990

Profile Information

  • Localização
    João Pessoa

Recent Profile Visitors

5,241 profile views
  1. Dono das afiliadas da Globo, ex-vice-governador, ex-senador, dono de várias rádios, concessionárias e uma importante indústria alimentícia, capitaneada pelo Café São Braz.
  2. Essa eu sei: "inflamação na hérnia de disco em setembro de 93"
  3. 1º) a ditadura militar acabou em 1985 2º) em plena ditadura, a jornalista Glória Maria processou e venceu um processo contra um hotel por injúria racial (racismo ainda era uma contravenção pela lei da época, mas já previa punição pelo menos desde 1951). 3º) em 1969, quando a Globo fez blackface descarado (e era blackface intencional, pois não quis contratar um ator negro para fazer o papel de um escravo negro), a imprensa massacrou a emissora carioca e não houve nenhuma censura. O regime militar é santo? NÃO! fez muita coisa ruim? FEZ! Mas a discussão racial não era tão massacrada qua
  4. Eu vivi pra ver Xuxa participando do Programa do Ratinho
  5. Faria um saneamento na administração da emissora e faria uma mudança paulatina na rede. A ideia é ser um canal variado e, ao mesmo tempo, ser alternativo e de baixo custo na maior parte da grade, menos em Jornalismo e Esporte. Ficaria mais ou menos isso daqui: 4am - 8:30am: Jornalismo 8:30am - 11:30am: Dia Dia 11:30am - 2:00pm: Esporte 2:00pm - 5:00pm Melhor da Tarde 5:00pm - 7:30pm Brasil Urgente 7:30pm - 8:15pm Jornal da Band 8:15pm - 9:05pm Linha de shows 10:00pm - 10:30pm Band Notícias 10:30pm - 0:30am Novelas turcas/séries 0:30am - 1:00am Jornal da Noite 1:00am - 2:
  6. A Band sempre teve uma programação relativamente alternativa e o que melhor soube fazer foi o tripé Jornalismo-Filmes B-Esportes, raramente deu certo além disso. E os maiores culpados foram seus donos que sempre interferiram na gestão profissional da rede. O grande problema de todas as redes, sem exceção, foi a ausência de uma administração profissional que fizesse frente à Globo, nem que fosse da maneira mais alternativa e/ou artesanal possível. Nem falo em ser líder ou vice-líder, mas em apresentar um produto viável e rentável. A própria Bandeirantes esteve prestes à qu
  7. só digo que ele seria filho bastardo de alguém.
  8. Até hoje nunca entendi como ele saiu de uma TV nanica para uma das maiores redes deste país. Reza a lenda que...deixa pra lá...
  9. Só a República Federativa do Brasil para proporcionar esse tipo de Televisão. O cenário me fez lembrar disso daqui:
  10. Não flopou. O desempenho de "Por Amor", que veio à seguir, foi bem inferior. A concorrência na época (1997) estava se tornando cada vez mais intensa e "A Indomada" tirou leite de pedra.
  11. Não me surpreende vindo de quem é. E pensar que a Record tinha uma gestão bastante profissional nos anos 90 e é uma pena que Edir Macedo pense mais como pai e líder religioso do que como empresário. Qualquer um neste fórum faria melhor do que ela, mas como ela tem o poder e é herdeira do canal nos resta apenas assistir de camarote a este patético espetáculo.
  12. Penso o mesmo. Uma alteração na lei há 10, 15 ou 20 anos atrás teria causado um imenso alvoroço no meio, hoje eu duvido que comprem uma rede de TV no Brasil, que traz mais gastos que lucros, ainda mais em pleno alvorecer do streaming. Quem mais será beneficiada com tudo isto será a RedeTV!, que poderá cair integralmente nas mãos do grupo angolano (possivelmente é Isabel dos Santos, dona do conglomerado Zap). Agora, toda mudança que liberalize o mercado só irá beneficiar o telespectador. Várias leis caducas como aquela das cotas de programação na TV à cabo já não tem mais motivos de existir.

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.