Jump to content


Magner Wontes

Membro
  • Content Count

    1,017
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    85 [ Donate ]

Community Reputation

273 Bom

1 Follower

About Magner Wontes

  • Rank
    Graduando em História (UFRJ)
  • Birthday 08/19/1991

Recent Profile Visitors

1,081 profile views
  1. Se isso fosse pauta no Balanço, na Sonia ou na Cátia, o Fraga já estaria fazendo postagem contra.
  2. [[Template core/front/system/searchResult is throwing an error. This theme may be out of date. Run the support tool in the AdminCP to restore the default theme.]]
  3. CREDIBILIDADE – cada informação deve ser confirmada. Nenhum boato ou rumor pode ser divulgado. RESPEITABILIDADE – devemos conquistar o respeito de nosso público e das nossas fontes. Seremos incorruptíveis e honestos. SERIEDADE – seriedade não é sinônimo de velhice. O único compromisso de quem tem um telejornal sério é com a informação precisa, correta. ISENÇÃO – ouvir sempre os dois lados, frente e verso de uma informação. Nenhuma pessoa será culpada antes que a Justiça assim o diga. APARTIDARISMO – nosso compromisso é com a informação correta e com o público: ele quer fatos documentos e não proselitismo; quer informação e não ideologização da notícia. IMAGEM DIFERENCIADA/PERSONALIDADE – nossa marca, nossa cara são próprias, construídas ao longo do tempo. Não devemos ter a cara dos concorrentes. PRODUTO INDISPENSÁVEIS – nosso telejornalismo deve ser para o público tão indispensável como o alimento do dia a dia. PRODUTO POPULAR – ser popular não significa ser populista ou popularesco. O público não é uniforme em todos os sentidos. Uma notícia deve ser entendida pela patroa e pela empregada. PRODUTO MODERNO – a TV já é um veículo ágil e seu jornalismo deve ser moderno, dinâmico e, até certo ponto, audaz. EMPRESARIAL – o jornalismo está dentro de uma empresa maior e não deve fugir das regras de administração empresarial, como avaliação e treinamento. METAS E OBJETIVOS – devemos estabelecer as metas e objetivos, que serão entendidos e assimilados por toda a equipe e, principalmente, cumpridos. PRODUTO DIDÁTICO – não podemos complicar a vida do público, mas dar todos os instrumentos para facilitá-la. A informação deve ser simples, transparente, clara e didática. PESSIMISMO DISPENSÁVEL – o tom do jornalismo deve ser otimista, procurando mostrar que, mesmo nas situações mais trágicas, é possível dar a volta por cima. PRINCÍPIOS DO PÚBLICO – não vamos agredir nosso público em seus costumes e suas crenças; o respeito ao telespectador é fundamental.
  4. Eles são os narradores oficiais da WWE no Brasil. Estão desde a época que passava no Esporte Interativo.
  5. Está/estava com a TV Pampa. A notícia é de 2007. Depois de dez anos de trâmite na justiça, a TV Pampa finalmente obteve o direito de utilizar a denominação TV Manchete. Segundo o vice-presidente da emissora, Paulo Sérgio Pinto, a decisão veio com surpresa, pois o processo havia sido encaminhado em 1997. "Ainda não paramos para pensar se iremos utilizar o nome ou o que vamos fazer, pois fomos surpreendidos. Desde que encaminhamos o processo, muita coisa aconteceu, tivemos muitas parcerias e tudo tem que ser reavaliado. Se iremos utilizar a denominação TV Manchete, não será algo definido a curto prazo", disse ele, em entrevista a Coletiva.net. https://www.coletiva.net/noticias/tv-pampa-e-presenteada-com-o-nome-manchete,172040.jhtml
  6. Rebelde BR também teve uma fase que não era exibida ao mesmo tempo em Rede.
  7. E vai ter Santos ao mesmo tempo também no dia 07. SP vai ver a vitória na Libertadores. Rio vai assistir a derrota no Brasileiro de 95.
  8. Foi do dia 23 ao dia 30. No dia 31 voltaram com o Clube do Chaves.
  9. O SBT acostumou mal a base de fãs que assitia nessa época. A emissora sabia que as séries dariam audiência no horário que fosse. Só não precisava cancelar a novela para exibir Chaves.
  10. E o SBT tem 150 episódios prontos para exibição. Nesse ritmo, sem repetição e com pelo menos um por semana, vão levar quase tês anos para exibir tudo.
  11. [[Template core/front/system/searchResult is throwing an error. This theme may be out of date. Run the support tool in the AdminCP to restore the default theme.]]
  12. Coluna do Ricco (04/01/2019): A parceria entre Record e Casablanca foi renovada antecipadamente por mais cinco anos. Uma história que vem desde 2015, ocasião em que a produtora assumiu parcialmente o complexo de estúdios, do Rio, antigo RecNov, e também passou a ser responsável por toda operação que envolve a realização de séries e novelas. Começou com "Escrava Mãe", que demorou um pouco a ser lançada, além do grande sucesso, "Os Dez Mandamentos", entre outros. Foi a melhor maneira encontrada para diminuir e gerenciar os custos envolvidos, por meio de uma empresa especializada. Pelo acordo estabelecido, e isto desde o primeiro dia, a Record continua com o poder de demitir e contratar pessoal, ficando para a Casablanca o compromisso de desenvolver os trabalhos. Um compromisso que sempre funcionou e, mais recentemente, acabou se ampliando a outro braço da empresa, a TeleImage, hoje também responsável por produtos do entretenimento, como "A Fazenda", "Power Couple" e o "Troca de Esposas", da Ticiane Pinheiro, que estreia em breve. https://tvefamosos.uol.com.br/colunas/flavio-ricco/2019/01/04/record-renova-contrato-com-produtora-de-novelas-e-series.htm?
  13. Pecado Mortal às 14h30: Vitória às 18h45: Amor Sem Igual às 20h10: Jesus às 21h00:


×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.