Jump to content


Glorgor

Membro
  • Content Count

    777
  • Joined

  • Last visited

  • Pontos

    216 [ Donate ]

Community Reputation

207 Bom

About Glorgor

  • Rank
    Novato
  • Birthday 08/30/1994

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Rio de Janeiro

Recent Profile Visitors

247 profile views
  1. Até que 3 pontos nesse horário da manhã não é de todo ruim, pra uma emissora totalmente off da modalidade.
  2. Esse programa só cumpre cota de segmento, pq não tem utilidade comunicativa e institucional nenhuma. O Debate Bola, na década passada, tinha muito mais importância. A Record decidiu "subir o nível" do núcleo esportivo fora de timing. Tinha relevante participação nas transmissões estaduais, nacionais e até internacionais de futebol e abriu mão de tudo por um ciclo olímpico inconsistente e essencialmente ineficaz. Nunca foi papel da Record competir institucionalidade esportiva com a Globo e sim, ser inicialmente a principal alternativa para depois se tornar detentora da outra metade simétrica da preferência popular.
  3. E o Edir me solta que não se preocupa com televisão, só com pregar o evangelho Tá aí o resultado
  4. Interferência da igreja no jornalismo já é assunto batido. A própria supervalorização do Balanço Geral e Cidade Alerta na grade é sintoma dessa interferência. Tem bispo que ganha comissões por esses dois títulos a nível nacional, passando por cima, inclusive, do uso de marca por afiliadas. Esse é um dos grandes motivos pelo qual ninguém mexe na programação nesses horários e em torno deles. Dá demissão.
  5. Marcar 40 pontos naquela época ainda não era tão comum. A própria Globo ainda estava experimentando ultrapassar os 20 pontos com novelas em 1969. A Tupi teve poucos registros acima dos 40 pontos mesmo existindo há quase duas décadas até então. A Record, menos ainda, mesmo com o fenômeno dos festivais. A audiência passou a se monopolizar de verdade em meados dos anos 70, com a decadência abrupta das emissoras e a consolidação da Globo como líder e pioneira na programação nacional.
  6. Séries e desenhos não entram em pacote avulso de filmes.
  7. Testar em detrimento do Fofocalizando e Casos, pq sabemos que pra uma terceira faixa fixa é necessário adequar o que vem antes.
  8. Esse "últimas semanas" precoce de A Dona só me faz pensar que a substituta estreará mais cedo que o normal, talvez pra testar o desempenho de três faixas simultâneas.
  9. Prova de Amor foi um hit que moldou a dramaturgia da Record dali pra 2011. Em 2012 houve totalmente rompimento artístico com Máscaras.
  10. Ela regrediu muito de Belaventura pra Topíssima, é a única do elenco que declama o texto. Se voltar, será por obra.
  11. O Sikera estará na afiliada da Redetv. Mesmo que dê boa audiência, não será suficiente pra barrar o crescimento da Record. Já os formatos licenciados pra A Crítica não eram das maiores audiências da emissora na praça. O Peladão, inclusive, chegava a perder pras mexicanas. A Record Manaus deve aparecer de verdade ano que vem. Vamos acompanhar.
  12. Ficou parecendo mais afiliada da Record que da Globo
  13. Quando o sinal estiver full e com todo bloco local ocupado, bye bye Calderaro e olá Amazônica
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.